Como evitar que seu filho se perca de você na multidão

Criança é imprevisível, curiosa, sem maldade e sem noção dos perigos do mundo, quando estão entre pessoas estranhas.

1,103 views   |   2 shares
  • Não tem sensação mais horrível do que você estar em meio a dezenas de pessoas com seu filho e de repente olhar e ele não estar mais ao seu lado. Só quem já viveu esta situação pode entender o que estou dizendo.

  • E acredito, também, que a maioria dos pais já passou por esta situação, nem que tenha sido por um segundo. Aquele momento em que você pisca e quando olha ele sumiu de sua vista.

  • Como ensinar seu filho a não fugir de você

  • Criança é mesmo imprevisível e curiosa, sem maldade e sem noção dos perigos de viver no mundo, principalmente nos momentos em que estão entre pessoas estranhas. Por isso, cabe aos pais ensiná-las que nunca devem se afastar de seus pais ou responsáveis quando estiverem em locais movimentados. Só que isso não deve ser feito de maneira traumática e assustadora, para não causar insegurança e pânico caso aconteça dela se perder.

  • O que a criança precisa saber no caso de se perder

  • Desde pequena, sempre que forem sair, conte à criança onde estarão indo, o que irão fazer e o que encontrarão no local. Isso fará com que a criança compreenda, desde cedo, que estar fora de seu lar requer cuidados e atenção. Mesmo que o local seja tranquilo, seu filho precisa ser orientado sobre onde irá e como deve se comportar. Assim ele entenderá que não pode, simplesmente, sair de seu lado.

  • Colocar identificação na criança como pulseiras e etiquetas com nome e o número de seu celular é uma forma de resolver rapidamente a situação.

  • Quando meus filhos eram pequenos, tínhamos um plano caso algum deles se perdesse. Todos sabiam que assim que não me avistassem por perto, não deveriam sair andando na tentativa de me encontrar, deveriam se sentar no local em que estivessem que eu é que iria procurar por eles.

  • Certa vez meu filho de cinco anos foi comigo comprar legumes em um hipermercado, enquanto eu pegava uma coisa e outra ele foi atraído até a banca de peixes e quando percebeu não me avistava mais. Na verdade eu não o havia perdido de vista, de onde estava observei que ele estava vendo os peixes. Mas como havíamos combinado ele se sentou no mesmo local em que estava, ou seja, no chão embaixo do local onde os peixes ficavam e escorria toda a água que descongelava das bandejas. Fui até ele e perguntei por que se sentara ali, e ele me disse: "- Mas você disse que se eu me perdesse deveria ficar sentado no mesmo lugar". Ele recendia a peixe, mas pelo menos soube que ele entendera o que eu havia ensinado.

  • Infelizmente, houve momentos em que meus filhos não se lembraram do combinado e acabamos vivendo momentos desesperadores.

  • Advertisement
  • Como agir no caso de seu filho se perder de você

  • Se seu filho for do tipo curioso, ativo e você não tiver segurança de que conseguirá mantê-lo próximo, em caso de estar entre muitas pessoas, deve pelo menos saber como agir caso isso aconteça. Lembre-se de sempre orientá-lo sobre o cuidado de estar sempre perto dos pais, combine um ponto de encontro ou mesmo que fique no local aguardando. Mas se mesmo assim acontecer faça o seguinte:

    • Não se desespere.

    • Se estiver com mais adultos, dividam-se para a busca.

    • Procure primeiramente no último local que o viu, ou no local que percebeu que algo havia chamado à atenção dele.

    • Chame pelo nome dele em voz alta, mas sem expressar desespero ou agonia, isso poderá fazer com que ele se atemorize e se esconda ao invés de responder o chamado por medo de ser repreendido.

    • Procure por seguranças ou pessoas uniformizadas, que trabalhem no local onde estiver, e peça que seja anunciado imediatamente no alto-falante um recado a seu filho, do tipo: "- Pedro, sua mãe Maria está à sua espera na sessão de brinquedos.". Ou ainda: "- João Silva aguarde onde estiver que sua mãe irá até você.".

    • Se possível solicite que as portas sejam fechadas para evitar que no desespero a criança saia do espaço à sua procura.

    • Peça também que os seguranças e funcionários que estiverem próximos às portas de saída fiquem atentos a qualquer criança que pareça estar sozinha.

    • Por último, assim que o encontrar não o repreenda severamente! Lembre-se que a responsabilidade de cuidar e estar atento aos movimentos de seu filho, quando estiverem em locais de grande circulação de pessoas, é dos pais. Portanto, a culpa não é da criança, mesmo que tenha sido alertada para não se afastar, a responsabilidade não é dela simplesmente pelo fato de que ela é uma criança, inocente e sem noção dos perigos que a cerca por estar longe de seus pais.

  • Recomendações caso não consigam encontrar a criança imediatamente

    • Faça um Boletim de Ocorrência na Delegacia mais próxima imediatamente.A Lei no 8.069, de 13 de julho de 1990 – Estatuto da Criança e do Adolescente determina investigação imediata em caso de desaparecimento de criança ou adolescente.” Portanto não espere.

    • Leve uma foto recente da criança.

    • Quando a criança reaparecer também é importante comunicar às autoridades.

  • Advertisement
  • Prevenir é melhor do que remediar, portanto, não se distraia quando sair com crianças em locais movimentados, oriente-a e tome os cuidados necessários, se mesmo assim algo acontecer, lembre-se de manter a calma.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos e familiares..

Graduada em Administração de Empresas com MBA em Empreendedorismo. Casada mãe de 6 filhos, avó de 2 netos. Atua profissionalmente como Analista Instrutora da Educação Empreendedora no SEBRAE - SP. Como hobby gosta de artesanato, música e leitu

Como evitar que seu filho se perca de você na multidão

Criança é imprevisível, curiosa, sem maldade e sem noção dos perigos do mundo, quando estão entre pessoas estranhas.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr