A amizade verdadeira de Sofia: O carinho dos animais

O amor não escolhe forma, não escolhe hora, não escolhe intensidade.

2,970 views   |   3 shares
  • “A mim deu-me esta gata, a mim deu-me isto... Esta fera, que as unhas encolhendo pelos ombros me trepa e vem, correndo, beijar-me... Só não vivo! amado existo!” (João de Deus, 1930 – 1896).

  • Acho esse poema de João de Deus uma das expressões máximas do que é o amor incondicional de um animal pela pessoa que o afaga, que conversa com ele e que cuida de sua saúde e felicidade até seu último suspiro. Sentir-se protegido e querido não é somente necessidade do ser humano, mas também de todos os animais.

  • Doar-se e proteger o outro

  • Porém, muitas pessoas não conhecem esse tipo de amor por não acreditarem que são dignas de recebê-lo ou por não saberem se doar a outro ser. Aprender a ser melhor, a ser um espírito iluminado é compreender que somos capazes de sorver um sentimento tão bonito como é o amor, demonstrado em um único olhar, como se fosse um copo da mais pura e límpida água. Nutrir a alma é tão importante quanto alimentar o corpo. Sem a substância correta, ambos morrem.

  • Infelizmente, vejo cotidianamente no consultório veterinário a indiferença e a maldade dos donos para com seus animais, que mesmo assim continuam a olhá-los como se fossem os únicos capazes de amá-los. Esses espíritos já padeceram em vida, de tão doentes que estão. Muitas das vezes, mais doentes que os próprios animais que trazem para serem salvos pelos profissionais veterinários, depois de terem sofrido por muito tempo nas mãos ásperas e incapazes de fazer-lhes um carinho.

  • Os animais são companheiros e amigos quando bem cuidados

  • Todos os animais podem tocar nosso coração, basta deixarmos. São ainda muitos os que os fazem sofrer, mas são muitos também os que os acolhem e se doam inteiramente a eles sem esperar reconhecimento, louros e glórias. Não me canso de dizer que o amor é capaz de curar a mais insensível das almas. E o melhor amor é aquele que qualquer animalzinho nos oferece: sem críticas, sem medos, sem ressalvas, sem condições. O ser humano ainda precisa caminhar muito para conseguir sentir como um cão, um gato ou um pássaro o faz. Mas chegaremos a esse patamar muito superior e seremos melhores.

  • Se você compartilha desses pensamentos, passe-os adiante em conversas com amigos e familiares, por meio de pesquisas e leituras e, principalmente, através da ajuda que tantos animais necessitam (alimento, informação, cuidados, adoção). Lembre-se: conviver com um animal faz muito bem para nossa saúde física e espiritual.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Clique abaixo para compartilhar

Fernanda Trida é jornalista, médica veterinária, dona de casa, esposa, mãe de Marcela, com três anos, e de João, com um ano de idade.

A amizade verdadeira de Sofia: O carinho dos animais

O amor não escolhe forma, não escolhe hora, não escolhe intensidade.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr