Vale a pena comprar um imóvel na planta?

Veja aqui os prós e contras em comprar um imóvel na planta.

4,764 views   |   4 shares
  • Essa é uma pergunta muito difícil de responder, porque envolve diversos fatores como: finalidade da compra, cenário econômico e necessidade pessoal. A finalidade de uma aquisição na planta pode ser para investimento ou moradia. Como o mercado de investimento imobiliário tende a ser extremamente especulativo e imprevisível, existindo opiniões contraditórias até mesmo dentre os especialistas, não farei aqui uma análise profunda do que seja mais rentável. Pretendo focar nas necessidades pessoais, elencando os prós e contras a serem pensados antes da compra de um imóvel na planta.

  • _Vantagens_

  • Preço

    • Os imóveis na planta tendem a custar até 40% menos do que os prontos, e possuem prazos e métodos de pagamento mais flexíveis. Entretanto, é preciso refletir sobre suas necessidades. Se você não tem pressa em se mudar, por não pagar aluguel, morar com seus pais ou se encontrar em um imóvel quitado, a compra na planta é uma opção mais econômica. Por outro lado, se você atualmente paga aluguel, a aquisição de um financiamento pode lhe deixar em uma situação delicada até a entrega das chaves. Por este motivo, você deve colocar na ponta do lápis o quanto irá gastar em aluguel durante o período de construção do imóvel, pois, às vezes, o valor despendido em aluguel não compensa o desconto de se comprar na planta, favorecendo a escolha de um imóvel pronto, para mudança imediata.
  • Personalização

    • Diversas construtoras permitem que os clientes façam alterações nos imóveis quando comprados no período de obras, como por exemplo: a disposição dos cômodos (closets, suítes, salas estendidas), cores das paredes e até os materiais de acabamento. Isso consequentemente gera economia e maior comodidade, por deixar o imóvel do jeito que você quer, sem se preocupar com as dores de cabeça de uma reforma.
  • Conservação

    • Sem dúvida, é uma sensação maravilhosa sentir o cheiro de casa nova quando você é o primeiro morador. Neste caso, dificilmente você terá problemas de desgastes relacionados ao uso prolongado do imóvel, ocasionando em uma economia com manutenções. E ainda vale ressaltar que as construtoras fornecem certos períodos de garantia após a entrega do imóvel, resultando em um alívio contra possíveis imprevistos.
  • Tecnologia

    • A maioria dos imóveis na planta conta com o que há de mais moderno, tecnológico, eficiente e econômico em questões estruturais, como a disposição inteligente de cômodos, número de tomadas, capacidade e estrutura dos sistemas elétrico e hidráulico.
  • Advertisement
  • _Desvantagens_

  • Atraso nas obras

    • É importante verificar a data de entrega das chaves no contrato, e se precaver sabendo que a margem de erro é de 180 dias, para mais ou para menos. Caso ultrapasse esse prazo, o comprador poderá processar a construtora através do código de defesa do consumidor, entretanto, esse imprevisto deve ser considerado para evitar dores de cabeça. Portanto, é importante pesquisar sobre a idoneidade da construtora e a pontualidade na entrega de seus últimos empreendimentos.
  • INCC e IGP-M

    • Esteja ciente que além das prestações do financiamento, o valor das parcelas, durante a fase de construção, é acrescido pelo INCC (Índice Nacional da Construção Civil) que corrige a inflação da construção civil até a entrega das chaves. E após a entrega do imóvel, a correção é feita pelo IGP-M (Índice Geral de Preço-Mercado) até a quitação do financiamento. É interessante verificar o histórico de alteração dos índices nos últimos períodos, para fazer uma estimativa do quanto será acrescido no valor do imóvel.
  • Vistoria

    • Como é impossível ver fisicamente o imóvel antes da compra na planta, e às vezes o decorado não condiz com o que foi proposto, é imprescindível uma leitura atenta ao memorial descritivo do imóvel (documento que relaciona todas as características técnicas do imóvel), para verificar se recebeu efetivamente por tudo o que pagou, seja em questões de metragem ou acabamento do imóvel.
  • Espero que essas dicas sirvam de auxílio na hora de decidir sobre a compra de um imóvel na planta. Fiquem à vontade para levantar outros pontos ou dúvidas a respeito do assunto nos comentários.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Paulo Proença Bonilha é consultor imobiliário, formado em Tecnologia de Negócios Imobiliários pela Universidade Unigran e Tecnologia de Transações Imobiliárias pelo Instituto IBREP. 

Vale a pena comprar um imóvel na planta?

Veja aqui os prós e contras em comprar um imóvel na planta.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr