5 passos para ensinar as crianças a resolverem conflitos

Ensinar as crianças como elas podem resolver seus próprios conflitos tem muitos benefícios. Aqui estão alguns passos para ajudá-la a ajudar seus filhos.

1,669 views   |   2 shares
  • Ensinar às crianças como elas podem resolver seus próprios conflitos traz muitos benefícios. Por exemplo, quando as crianças desenvolvem habilidades para resolver seus próprios problemas, a frequência com que procuram a mãe como o ser que tudo sabe e tudo vê, diminui significativamente. Essas habilidades incluem aprender como compartilhar seus sentimentos com os outros, como ouvir, e como reconhecer quando estão errados.

  • Usarei meus filhos como exemplo - a quem me referirei como Filho A e Filho B. Recentemente eles tiveram uma disputa porque os dois queriam tocar piano ao mesmo tempo. Primeiro vieram até mim para resolver o problema, e eu não estava em uma posição em que podia julgar corretamente a situação. Nós temos praticado habilidades para resolver problemas em nossa casa, então encorajei-os a seguirem os passos e trabalharem juntos para resolver o problema.

  • Estes são os passos:

  • Incentive as crianças a compartilharem seus sentimentos e pontos de vista umas com as outras

  • As crianças podem se identificar com emoções como raiva, tristeza, desapontamento, frustração, felicidade, etc., e com alguma prática elas podem aprender a expressar seus sentimentos a respeito da situação. É importante que as crianças saibam que as outras pessoas valorizam sua opinião e sentimentos, inclusive os adultos. Por exemplo, o Filho A pode dizer algo como, “eu fiquei triste por você ter tocado piano enquanto eu estava tocando, porque interrompeu a música que eu estava executando”; ou então, “eu me sinto desrespeitado quando alguém interrompe minha vez de tocar piano”.

  • Incentive as crianças a ouvir uma a outra enquanto ambas compartilham seu ponto de vista e sentimentos

  • O ponto é tentar entender de verdade a linha de raciocínio da outra pessoa. O Filho B poderia dizer algo como, “eu me sinto ofendido por você ter mais oportunidade de tocar piano do que eu”, ou então, “eu me sinto menos importante do que você porque parece que você querer tocar o piano é mais importante do que quando eu quero”. O Filho A provavelmente vai estar mordendo a língua para não interromper seu irmão a essa altura, e isso é algo bom.

  • O próximo passo é avaliar-se e reconhecer o erro

  • As crianças são encorajadas a avaliar a si mesmas para ver o que poderiam ter feito melhor para evitar ou resolver o problema. A ideia é ajudá-las a ver como suas ações afetam outras pessoas e desculparem-se quando necessário. Esse passo tem um impacto incrível amolecendo os corações de ambas.

  • Advertisement
  • Agora que os sentimentos uns pelos outros acalmaram-se, eles podem trabalhar juntos para encontrarem uma solução

  • Meus filhos estabeleceram uma agenda para ver quem pode tocar piano a que horas do dia, e também o que fazer no futuro se o mesmo problema surgir. As crianças são muito capazes de encontrar suas próprias soluções para os problemas se tiverem a oportunidade de fazê-lo.

  • Como pais, um dos melhores métodos de ensino é por meio do exemplo

  • Todo este aprendizado seria inútil se os adultos em suas vidas não fossem modelos. Não use palavras de ataque para falar com seu cônjuge ou filhos quando você estiver irritado, por exemplo: “Onde foi que você se meteu?!”. Ao invés disso, fale com amor e mansidão. O que você está sentindo de verdade por dentro? “Eu fico preocupado quando você se atrasa para chegar da escola porque eu não sei onde você está, eu te amo e me importo com sua segurança”.

  • Praticar essas habilidades pode levar tempo, mas vale a pena porque a família toda é beneficiada por meios saudáveis de lidar com conflitos. Como bônus, ensinar as crianças maneiras de resolver seus próprios conflitos irá prepará-las para futuros relacionamentos como cônjuges, companheiros de trabalho e pais.

  • Traduzido e adaptado por Sarah Pierina do original 5 steps for teaching children to resolve conflict, de Jillayne Clements.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Nos ajude a divulgar a mensagem...

5 passos para ensinar as crianças a resolverem conflitos

Ensinar as crianças como elas podem resolver seus próprios conflitos tem muitos benefícios. Aqui estão alguns passos para ajudá-la a ajudar seus filhos.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr