A necessidade de recuperar um casamento em que não há mais respeito

Você já se afundou em uma situação tão desagradável que teve a impressão que não teria mais volta?

33,493 views   |   169 shares
  • Atualmente, o número de divórcios têm aumentado cada vez mais. Muitas podem ser as razões, mas sem dúvida, na maioria das vezes, a falta de respeito entre os cônjuges reina quando o relacionamento chegou ao limite e está prestes a acabar. O fato é que muitas pessoas não querem que ele chegue ao fim e fazem muitas tentativas para salvá-lo. Outras não fazem nada para mudar a situação e por mais que o divórcio não seja a solução mais desejada, muitas vezes os parceiros a enxergam como única solução.

  • Para piorar ainda mais, existem outros fatores que geralmente influenciam a decisão do divórcio. Você não vai escutar muita gente dizendo que deve lutar pelo seu casamento, tentar melhorar suas falhas ou que deve perdoar. A maioria vai dizer que você não deve mais aguentar nenhum desaforo e partir para a separação. Você não vê muitas programações da mídia a favor da luta pelo casamento.

  • Quer um conselho?

  • A famosa frase "se conselho fosse bom não se dava, vendia" é uma das mais sábias que já ouvi. Por isso, uma das primeiras coisas a se fazer, caso esteja realmente empenhado em recuperar seu casamento, é ignorar conselhos furados de amigos e parentes que acham que têm razão, mas não estão dentro da sua casa vivendo a sua vida e passando pelos seus problemas para dar um veredito e fazer um julgamento perfeito. E mesmo que estejam, você ainda precisa considerar se realmente é bom receber conselhos alheios se a sua intenção é fazer a melhor escolha para o seu casamento. Considerando o fato de que o casamento é seu, quem tem que tomar as rédeas e as decisões devem ser você e seu cônjuge. Atente para esse conselho: feche seus ouvidos para o mundo e passe a dedicar seu tempo para a recuperação do seu relacionamento.

  • Um case

  • Sabe quando você lê em um jornal o exemplo de um personagem que ilustra a reportagem? Esse é o chamado case e agora vou relatar um. É a breve história da quase ruína do casamento de Carol e Pedro (os nomes foram alterados) que haviam perdido totalmente o respeito um pelo outro.

  • Pois bem! Carol e Pedro, no dia em que resolveram se casar, prometeram que seriam fiéis um ao outro, estariam juntos em todos os momentos, bons e ruins, e se amariam incondicionalmente. Mas como a promessa é uma dívida que nem todos pagam, após cinco anos, depois que uma grande crise invadiu a vida do casal, os defeitos passaram a ser mais evidentes que as qualidades e a decadência do relacionamento passou a ficar cada vez mais intensa.

  • Advertisement
  • Pedro sempre foi meio "esquentado" e Carol muito sensível. Ele começou a não medir suas palavras e palavrões e xingamentos passaram a sair com frequência de seus lábios. Carol não conseguia conversar, então só gritava e passou a descontar a raiva e a mágoa na comida, por isso, ganhou muito peso. Pedro, totalmente insensível, usava isso para humilhar ainda mais Carol que recorreu a suas amigas para buscar ajuda. Adivinha o que as amigas da Carol diziam? Que ela devia jogar tudo para o alto e se separar.

  • Ambos acreditavam que não havia mais bons sentimentos entre eles e que deveriam recorrer à separação, mas um deles acabou tomando uma sábia decisão.

  • A volta por cima

  • Pedro estava prestes a soltar mais um insulto contra Carol, mas decidiu que refrearia a língua naquele momento e se retirou para seu quarto para pensar um pouco. Foi aí que tudo o que prometeu a Carol veio em seu pensamento e lágrimas caíram em seu rosto. Nesse momento, ele decidiu que começaria um processo de mudança, por isso tomou duas atitudes:

    1. Procurou a ajuda de um profissional
    2. Retomou sua relação com Deus
  • Carol percebeu que algo estava acontecendo e embora Pedro não estivesse conversando com ela, há algum tempo não a estava mais insultando, por isso adiou seu pedido de divórcio. Depois de quase um mês sem dirigirem a palavra um ao outro, Pedro chamou sua esposa para uma conversa. Antes disso, no entanto, fez uma oração e para sua surpresa, Carol não estava mais tão ríspida como normalmente. A partir daí, o casal começou o longo processo de recuperação do seu amor e de seu relacionamento, e aprenderam algumas importantes lições:

    • O desrespeito, a ira e o orgulho só contribuem para destruir algo maravilhoso que foi construído;

    • Geralmente, um dos dois precisa tomar a iniciativa, embora o processo de "cura" seja mais eficiente quando os dois estão empenhados;

    • As promessas do dia do casamento incluem que o casal estará junto nos momentos bons e nos ruins, então por que durante os problemas muitas pessoas pensam em separação e não em superação?

    • Opiniões alheias podem ser nocivas, por isso, o que conta é a decisão que você tomar ao lado da pessoa com quem divide a vida e para quem prometeu lealdade.

  • É importante que você não cobre do seu cônjuge mudanças se você não estiver disposto a mudar. Um casamento que vai mal, dificilmente tem só um culpado, por isso tenha consciência de que quando se deseja que algo melhore, a primeira atitude deve partir de um dos dois, que tal que seja de você?

  • Advertisement
  • Saiba que recuperar algo que chegou à beira da ruína leva muito tempo. Então recaídas podem acontecer, mas se você sabe qual é o verdadeiro valor de seu casamento e da sua família, e está disposto a mudar de fato, não desista nunca. Tudo o que realmente vale a pena exige trabalho árduo. E a recompensa tarda, mas não falha nunca.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Márcia Denardi é jornalista, musicista e uma mãe e esposa loucamente apaixonada pelos filhos e pelo marido. Tem como objetivo profissional usar a informação para fortalecer as famílias. Curta a fan page www.facebook.com/blogmarciadenardi.

Website: http://marciadenardi.blogspot.com

A necessidade de recuperar um casamento em que não há mais respeito

Você já se afundou em uma situação tão desagradável que teve a impressão que não teria mais volta?
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr