Então você "pisou na bola". E agora? Decisões que afetam sua vida inteira

Você sente que tem tomado decisões erradas em sua vida e estragou tudo? Tomar uma má decisão não torna você um fracasso, nem muito menos em uma má pessoa. Leia esta perspectiva.

5,644 views   |   9 shares
  • "Às vezes, nossas má decisões trazem consequências a longo prazo. Um dos passos essenciais para completar o arrependimento é enfrentar as consequências a curto e longo prazo de nossos pecados do passado".(Richard G. Scott)

  • Todas as nossas ações têm consequências e, por vezes, estamos errados no que fazemos. É claro que um "precisava estudar para a prova" tem implicações diferentes de um "não deveria ter roubado isso da loja" ou "não queria ter ficado grávida". Uma má decisão pode levar você a escolher decisões piores, como aconteceu na seguinte história:

  • Carolina teve uma discussão com sua mãe por querer usar um vestido muito curto em uma festa. Ela decidiu usar o vestido e além disso passou a noite com seu namorado, porque ela havia brigado com sua mãe. Em consequência à gravidez não planejada que ocorreu, seu relacionamento com seu namorado terminou. Carolina teve que deixar a escola devido ao seu novo estado, ela culpa seus pais por esses problemas e não fala mais com eles. Seu filho está sendo criado sem pai, sem avós, e quase sem sua mãe, porque Carolina precisa trabalhar quase o dia todo para se sustentar. Há dor emocional na criança, em seus avós e em sua mãe.

  • Como nesse caso, você sente que tomou decisões erradas em sua vida e estragou tudo? Você acha que entrou em um beco sem saída e está destinado ao fracasso e sofrimento? Você está atolado na depressão por algo do passado? Tomar uma má decisão não torna você um fracasso, e muito menos uma má pessoa. Espero dar-lhe perspectiva com os seguintes conselhos:

  • Aprenda a perdoar-se

  • Você é uma pessoa imperfeita. Não sabe de tudo. É provável que vá cometer mais erros. Não seja mais severo com você mesmo do que você seria com outra pessoa. Qualquer decisão que tiver tomado não é o fim do mundo. Sempre há uma saída. Com certeza, quando você tomou essa decisão, você achou que valia a pena e a fez com a melhor das intenções, ou sem medir as consequências. Isso não é algo imperdoável. Seja o primeiro a se perdoar.

  • Peça desculpas ao ofendido

  • Se você afetou a vida de mais alguém, faça questão de, por todos os meios, reconciliar-se com essa pessoa. Peça desculpas com sinceridade. Você verá que a maioria das pessoas está disposta a perdoar se demonstrarmos um verdadeiro remorso. Você irá sentir um peso sair de suas costas, se você apenas admitir seu erro.

  • Restitua o que for possível

  • Além de algumas palavras sinceras, demonstre com ações que você se sente mal pelo que fez. Se machucou, cure; se roubou, devolva; se ofendeu, ame. Faça com que a parte afetada não tenha mais razão para lembrar de seu erro, isso nem sempre é possível, mas nos casos em que você pode restituir, você deve fazê-lo. Isso ajudará para que seja perdoado mais rapidamente, e você pode remover a carga que está carregando.

  • Advertisement
  • Aprenda a viver com suas decisões

  • Enfrente as consequências de suas decisões com integridade. Não culpe outra pessoa ou você viverá com ressentimento em relação aos outros ou à vida. Você é responsável por sua própria vida. Tire o melhor proveito de cada situação.

  • Olhe com uma perspectiva eterna

  • Se você tomou uma má decisão, isso não significa que suas próximas ações precisam ser todas erradas. Aprenda a lição e seja mais sábio nas próximas decisões. Olhe para as coisas com uma perspectiva eterna em qualquer decisão importante que você precise tomar, e você verá que assim vai distinguir mais facilmente o que deve fazer.

  • Recupere seu amor-próprio

  • Você é uma pessoa única. Há pessoas ao seu redor que acreditam em você e cuidam de você. Você deve ser o primeiro a demonstrar o amor a sua pessoa. Olhe-se no espelho e repita todo dia, em voz alta, cinco qualidades que você tem. Adicione novas a cada semana.

  • Preencha sua vida com serviço aos outros

  • Atos altruístas têm alguma mágica que irá curá-lo de qualquer sentimento negativo em relação a si mesmo, a outras pessoas ou ao mundo: ofereça para ajudar algum vizinho com seu jardim, visite um lar de idosos, passe tempo com alguém desconhecido, ofereça seu lugar a alguém com mais idade, limpe a calçada de alguém, faça um elogio a alguém com baixa autoestima, reconheça o esforço de seus colegas de trabalho sem esperar nada em troca, seja cortês ao dirigir, dê flores quando menos esperarem isso de você.

  • Não repita

  • Se você já sofreu as consequências de uma má decisão, não volte a tomá-la. Não tropece na mesma pedra. Há decisões que causam vício, como começar a fumar, beber, consumir drogas ou ver pornografia. Reconheça logo que esse não é o caminho que você quer seguir e assuma o controle de sua vida. Cada dia que passa sem mudar o rumo de suas ações se torna mais difícil concertar a estrada e ser perdoado pelos outros e por você mesmo.

  • Peça perdão a Deus

  • Já que você demonstrou um arrependimento sincero com os passos acima, acerte as contas com seu Pai Celestial. Confesse seu erro a seu líder religioso e peça perdão a Deus em oração sincera. Sentir o perdão de Deus trará a plena certeza de que há esperança em sua vida e de que virão tempos melhores.

  • Seja qual for a sua situação, seja forte, respire fundo e decida que você pode assumir o controle de sua vida e seguir em frente, e assim será.

  • Traduzido e adaptado por Sarah Pierina do original Así que “metiste la pata”. ¿Y ahora qué? Decisiones que afectan toda tu vida, de Amiel Cocco Verbauwen.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe agora...

Amiel Cocco Verbauwen é Editor Chefe e Gerente Geral do site Familias.com. Possue licenciatura em Marketing e Comunicações pela Universidade Brigham Young, e também formou-se como Professor de Piano pelo Conservatorio Ibero-Americano Rossini. Mora atualmente em Buenos Aires, Argentina com sua esposa e duas filhas.

Então você "pisou na bola". E agora? Decisões que afetam sua vida inteira

Você sente que tem tomado decisões erradas em sua vida e estragou tudo? Tomar uma má decisão não torna você um fracasso, nem muito menos em uma má pessoa. Leia esta perspectiva.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr