Além de uma boa ideia: 4 passos para abrir o próprio negócio

Veja 4 formas de buscar inspiração para ter boas ideias de negócios e mudar hoje o seu futuro.

1,111 views   |   shares
  • Cenário global no mundo dos negócios

  • O mundo dos negócios está sempre em constante mudança, e todos procuram por prosperidade e sucesso profissional. Existem aqueles que passam a vida a se qualificar para ter um bom emprego, mas há outros que têm um espírito de liberdade e gostam de desafios, assumem mais riscos, mas as possibilidades de crescimento são maiores, estes são aqueles que não querem ser empregados, querem ser patrões.

  • As altas taxas de desemprego também surgem como um aspecto motivacional para as pessoas buscarem ter o negócio próprio, pois, trata-se de uma alternativa; outro motivo pode ser a necessidade de fazer os próprios horários, enfim, os motivos que levam as pessoas a optarem por uma aventura empreendedora ao invés da segurança do emprego público, ou da tranquilidade do emprego assalariado são as mais diversas.

  • Qual o primeiro passo para ter o negócio próprio?

  • De qualquer forma, o primeiro passo para ter o próprio negócio é ter uma boa ideia. Durante a nossa vida é possível que já tenhamos pensando em algo que poderia se tornar um bom negócio e que talvez tenhamos deixado de lado. Retomar essas ideias pode ser um bom começo, mas para aqueles que nunca tiveram uma ideia de negócio e que gostariam de se aventurar no mundo do empreendedorismo segue algumas sugestões de como criar uma ideia de negócio. Maiores informações a esse respeito podem ser encontradas no livro: Viagem ao Mundo do Empreendedorismo.

  • Identificar necessidades

  • Observar o que está acontecendo no mundo e ao seu redor pode ser uma boa fonte de ideias de bons negócios. Verifique no seu cotidiano quais são as maiores necessidades, o que as pessoas precisam e que ainda não existe ou se existe e precisa ser melhorado.

  • Observar as deficiências

  • Pode ser que existam produtos e serviços que são muito bem aceitos pelo mercado, mas que se fossem melhorados seriam muito mais comercializados. Detectar deficiências no mundo dos negócios pode se tornar a "grande sacada". Às vezes não se tratará de uma deficiência, e sim de uma oportunidade que ainda não foi vista, e aquele que ver poderá obter ótimos lucros, foi assim que a rede de restaurantes McDonald's começou. Havia um homem chamado Ray Croc que em 1950 com mais de 50 anos vendia multimixers,aquelas máquinas que despejam bebida em vários copos ao mesmo tempo. As vendas iam de mal a pior até que recebeu um telefonema de um restaurante pedindo 8 máquinas. Ray ficou intrigado e resolveu ir conhecer o restaurante que fizera um pedido grande quando as vendas só caíam. Quando chegou lá ficou admirado, era um restaurante simples, com menu limitado e onde os clientes faziam os pedidos de dentro de seus carros. A rapidez do atendimento o impressionou e viu que tal inovação era possível porque a montagem das refeições era organizada como uma linha de produção, era o McDonald's que na época era administrada por dois irmãos. Ray viu ali uma boa oportunidade e convenceu os irmãos de que eles podiam ir muito mais longe, e aos 52 anos, ficou encarregado da expansão do McDonald's, hoje a maior franquia de restaurantes fast-fooddo mundo.

  • Advertisement
  • Tendências

  • Observar as tendências também é uma ótima fonte de ideias de negócios, mas aqui deve-se ter o cuidado, pois uma tendência tende a ser passageira, então para que seu negócio não inicie com os dias contados faça uma boa pesquisa de mercado.

  • Hobbies

  • Seus hobbies, além de falarem muito sobre você podem lhe fornecer excelentes ideias de negócios, aqui também, há de se ter o cuidado, às vezes algo que você gosta muito de fazer não é muito comercializável, a pesquisa de mercado pode lhe dar mais segurança.

  • Muitas são as formas que você pode buscar inspiração para ter boas ideias de negócios e mudar hoje o seu futuro, busque todo tipo de conhecimento que você puder e sonhe alto, mas sempre tenha os pés no chão. Saiba que aventurar-se no mundo do empreendedorismo pode ser fascinante, mas irá requerer trabalho, paciência, criatividade e paixão por aquilo que faz.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Taís Bonilha da Silva, estudante de Psicologia, atua na área da Saúde Mental. Participa do Programa de Monitoria na Universidade na disciplina de Análise do Comportamento. Esposa e mãe de 2 filhos.

Além de uma boa ideia: 4 passos para abrir o próprio negócio

Veja 4 formas de buscar inspiração para ter boas ideias de negócios e mudar hoje o seu futuro.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr