4 consequências do bullying a serem observadas através do comportamento

Aprenda 4 consequências que o Bullying pode causar e evite o aumento de risco de suicídio, depressão e baixa autoestima durante a vida adulta.

2,195 views   |   2 shares
  • Atualmente, o termo bullying tem se tornado cada vez mais comum entre pais, professores, alunos e educadores. Isso porque bullying é a palavra usada para definir todo tipo de comportamento agressivo, cruel, proposital e sistemático inerente às relações interpessoais, como afirma a psiquiatra Ana Beatriz Barbosa Silva em seu livro. No caso do bullying escolar, o termo abrange ainda todos os atos de violência, física ou não, que aconteçam de forma repetitiva e intencional contra um ou mais alunos.

  • Dessa forma, por fazer referência às nossas crianças e adolescentes, é que o bullying tem sido cada vez mais estudado e conhecido e se tornou um fenômeno de responsabilidade social e coletiva, podendo ser considerado um problema de saúde pública, e não apenas um fenômeno exclusivo das escolas. A partir daí, a preocupação dos estudiosos da área de saúde, dos professores e dos pais, vão muito além dos estudos sobre o que é ou como ocorre o bullying mas, principalmente, sobre as consequências deste fenômeno na vida de crianças e adolescentes que foram vítimas do bullying.

  • Em geral, sabemos que cada pessoa reage de forma diferente a situações semelhantes, em função disso, é possível inferir que, diante do bullying, algumas crianças irão agir de forma mais negativa do que outras, como afirma Ana Beatriz Barbosa Silva.

  • O fato é que, segundo investigadores desta revista, a dor do bullying dura até a idade adulta. De acordo com esse estudo, as vítimas do bullying possuem maior propensão a cometer suicídio, desenvolver depressão, ansiedade, ataques de pânico e baixa autoestima.

  • Apesar dessas consequências negativas serem bastante fortes e evidentes, é possível ainda, citar outras formas de se comportar na vida adulta em decorrência da vivência do bullying:

  • 1 - Algumas vítimas procuram ajuda e conseguem desenvolver habilidades sociais mais positivas, aprendendo a superar os medos e melhorando a autoestima.

  • 2 - Muitas vítimas desenvolvem traços de resiliência, ou seja, capacidade de transformar sofrimento, dor, rancor e mágoa em aprendizagem e desenvolvimento pessoal.

  • 3 - Algumas vítimas do bullying se transformarão em adultos inseguros, tímidos, depressivos ou agressivos.

  • Advertisement
  • 4 - Há ainda as vítimas de bullying que poderão desenvolver problemas psiquiátricos graves, tais como: fobias, transtornos de ansiedade, compulsões, depressão, dentre outras doenças mentais sérias.

  • Desse modo, é preciso estar atento aos sinais de bullying na vida escolar de seu filho, a fim de buscar resolver esse problema o quanto antes, protegendo-o dos possíveis transtornos deste fenômeno escolar na vida psíquica e social de suas crianças e/ou adolescentes. Dessa forma, ensine o seu filho a enfrentar o bullying. Afinal, brincadeiras só podem ser consideradas normais e sadias se todas as pessoas envolvidas estiverem se divertindo. Se uma única pessoa estiver sofrendo, a brincadeira deverá deixar de ser considerada diversão e ganhar a conotação de agressão escolar. Bullying não é brincadeira!

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Tahiana Andrade S. Borges é psicóloga clínica e especialista em Gestão de pessoas. É escritora free-lancer de sites e blogs, escrevendo sobre assuntos relacionados à Psicologia e Comportamento Humano.

4 consequências do bullying a serem observadas através do comportamento

Aprenda 4 consequências que o Bullying pode causar e evite o aumento de risco de suicídio, depressão e baixa autoestima durante a vida adulta.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr