As coisas incríveis que bebês conseguem fazer

Bebês podem parecer máquinas de babar, chorar e arrotar, mas, na verdade, eles são pequenos cientistas em treinamento.

1,834 views   |   2 shares
  • Os bebês podem parecer máquinas de comer, dormir e babar, mas tem muito mais acontecendo por trás desses grandes e curiosos olhos do que você poderia imaginar. Há um motivo pelo qual eles são chamados de "pequenos cientistas". Tudo o que eles veem, cheiram, provam, tocam ou ouvem desperta suas faculdades mentais e estimula a criação de sinapses. Seus cérebros são muito mais ativos do que o nosso, crescendo até a metade do seu tamanho adulto em apenas 12 meses. Mas mesmo antes de todo esse crescimento, os cérebros dos bebês são capazes de certo pensamento sofisticado, por isso não os subestime.

  • Perceber emoções

  • Bebês sabem quando suas mães estão se sentindo estressadas - mesmo dentro do útero. Mike Samuels, M.D., autor do livro The Well Baby Book (O livro do bom bebê) citou pesquisa ligando o efeito do estresse sobre os fetos. Constatou-se que o feto reage aos hormônios de estresse de sua mãe com o aumento do movimento - movimento que dura várias horas depois de apenas um curto ataque de estresse.

  • Outro estudo fez mulheres grávidas ouvirem música enquanto respostas fetais foram monitoradas. Os pesquisadores descobriram que os bebês eram mais ativos enquanto a música tocava, mesmo sem eles poderem ouvir a música. Eles estavam reagindo à reposta emocional de suas mães.

  • Essa percepção emocional continua a se desenvolver após o nascimento. Bebês aprendem rapidamente a ligar certos tons de voz com expressões faciais e quando tons e expressões não correspondem, isso os confunde, fazendo com que eles se sintam agitados.

  • Demonstrar reflexos

  • Os bebês nascem com certos reflexos, alguns dos quais parecem ligados ao instinto de sobrevivência. Por exemplo, um bebê demonstra um reflexo de busca, virando a cabeça para o peito da mãe ou as coisas que tocam seus lábios. Esse reflexo ajuda os bebês aprenderem a sugar e mamar, dando-lhes assim a nutrição que precisam para ganhar peso e ser saudáveis.

  • O reflexo palmar é aparente com aquele adorável aperto forte com o qual os bebês nascem. Eles instintivamente agarram coisas colocadas em suas mãos, que lembra os reflexos que primatas infantis usam para segurar-se em suas mães conforme elas balançam entre as árvores.

  • Então, há o reflexo de pisar o que é evidente quando você segura uma criança sobre uma superfície plana e eles dão o que parecem ser passos ou movimentos de dança com suas pernas e pés. Este movimento pode ser um precursor ao andar.

  • Torcer para os mocinhos

  • Advertisement
  • Um novo estudo verificou que, ao contrário à crença predominante de hoje, os bebês não nascem com um "quadro moral em branco".

  • Uma equipe de pesquisadores liderada por Paul Bloom, professor de psicologia da Infant Cognition Center da universidade de Yale, encenou um teatro de fantoches para crianças entre 6 e 10 meses de idade. Ele estrelou três formas: uma bola vermelha tentando "escalar" uma colina, um "bom" triângulo amarelo tentando ajudar a bola vermelha, e um quadrado azul "mau" tentando empurrar a bola vermelha de volta para baixo.

  • Após serem expostos a seis repetições do show, as crianças foram autorizadas a escolher um personagem. 80% dos bebês escolheram a forma "boa", o que demonstra que mesmo antes de serem ensinados sobre bom e mau ou justiça por seus pais, eles já têm uma compreensão rudimentar sobre o assunto.

  • Relembrar as coisas

  • A memória dos bebês vem muito bem formada para este mundo. O hipocampo, o centro de memória do cérebro, é 40% desenvolvido no nascimento, o que permite aos bebês reconhecerem a voz de suas mães, rapidamente seguida pela de seus pais (se o pai estiver constantemente envolvido em suas vidas).

  • Em seguida, bebês começam a aprender sobre horários - que é o porquê é tão importante criar rotinas consistentes a partir de uma idade precoce. Eles logo são capazes de saber a que hora do dia eles podem esperar comer, e que trocar de roupa (colocar um pijama) e ler um livro significa que é hora de dormir.

  • Bebês não são apenas babinhas e adorável fofura de bebê. Eles são pequenos seres humanos aprendendo rapidamente como se encaixam neste mundo; e vocês, como seus pais, são a coisa mais importante para eles. Lembre-se que, além de fornecer ao seu bebê comida, amor e abrigo, você deve oferecer oportunidades para ele aprender e crescer.

  • _Traduzido e adaptado por Sarah Pierina do original The amazing things babies can do, de Katie Nielsen.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos!

Katie Nielsen se formou em inglês com ênfase em escrita técnica. Ela já foi professora de inglês e é uma escritora com obras publicadas.

As coisas incríveis que bebês conseguem fazer

Bebês podem parecer máquinas de babar, chorar e arrotar, mas, na verdade, eles são pequenos cientistas em treinamento.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr