Felicidade compartilhada é felicidade em dobro

Por que passamos tanto tempo pensando nas coisas ruins da vida? Quebre o hábito negativo e traga a positividade. Em breve, você verá a luz do sol na chuva.

1,821 views   |   shares
  • Eu amo o hino, Conta as bênçãos, por Johnson Oatman, Jr. Seu hino nos lembra de esquecer dos problemas pensando sobre as boas coisas em nossas vidas. Este sábio conselho é extremamente importante para nosso bem-estar mental e físico. Por que pensamos e prolongamos as coisas ruins?

  • O sol está brilhando; sem sinais de chuva e a cesta de piquenique está cheia de suas comidas favoritas. As crianças, animadas e ansiosas, olham pela janela esperando o início das atividades da tarde. Se eu lhe perguntasse como está seu dia, você responderia, "Está perfeito."

  • O tráfego está uma loucura e um carro lhe corta forçando uma guinada para o lado. Algumas palavras bem escolhidas, dirigidas ao motorista, podem passar por seus lábios. Se perguntassem como seu dia está, você responderia, "terrível!" Como essa única situação adversa substituiu seu bom passeio com sua família, sol e seus alimentos favoritos de piquenique?

  • Roy F. Baumeister, em seu artigo de pesquisa, "O Ruim é mais forte que o Bom", demonstrou que incidentes negativos cancelavam os eventos positivos ao ponto de o dia ou a semana de alguém puderem ser arruinados. Shelly L. Gable, em seu artigo, "O que (e por que) é psicologia positiva?", provou que isso é verdade mesmo quando a pessoa tem três vezes mais experiências positivas. Como podemos acabar com o efeito de eventos negativos?

  • Compartilhe a felicidade

  • Um amigo me contou a seguinte história. Seu filho, David, tinha o controle da bola de futebol e estava indo para o gol. Imediatamente após seu gol incrível, David olhou para a multidão. Quando avistou seus pais, seu rosto se iluminou e ele levantou os braços com animação sobre sua realização. Eu podia ver que a alegria do gol ainda estava nos olhos de nosso amigo enquanto ele contava a história. Meu amigo então disse: "A alegria é maior quando é compartilhada," e ele nos advertiu, "compartilhem sua alegria com seus filhos." Quantas vezes nós realmente procuramos por alguém para compartilhar nossa alegria?

  • Esteja disposto a compartilhar experiências positivas com aqueles próximos a você. Não caia na armadilha de pensar que está se gabando (a menos que você esteja) ou que sua sorte irá diminuir se você compartilhar. Nada poderia ser menos verdade. O estudo, "Um impulso de afeto positivo: As vantagens de compartilhar experiências positivas", conduzido por Nathaniel Lambert e colegas da Brigham Young University (BYU), diz, "nossos resultados sugerem que afeto positivo, felicidade, e satisfação de vida atingem o pico apenas quando os participantes compartilham suas experiências positivas e quando o parceiro fornece uma resposta ativa-construtiva". Isso prova que quando você compartilha a felicidade você mantém os efeitos positivos por perto por mais tempo.

  • Advertisement
  • Quebre o hábito

  • O hino de Oatman nos lembra, "Quando defrontares os conflitos teus (...) Conta as bênçãos, (...) uma a uma, dize-as de uma vez." Quebre o hábito de permitir que até mesmo um pensamento, incidente ou experiência negativa substitua o que é bom, pense sobre as coisas positivas em sua vida.

  • Um novo hábito pode levar de 21 dias até mais de dois meses para se formar. Eu vi isso durante os anos 90 e início de 2000 quando hospedamos alunos de intercâmbio. Eles chegavam geralmente em agosto e, na maioria das vezes, seu inglês era bom, mas eles precisavam que nós diminuíssemos a velocidade de nossa fala e esperássemos por suas respostas. Logo percebemos que seus cérebros estavam traduzindo cada palavra para sua língua para que eles pudessem entender o que nós estávamos falando. O inverso acontecia quando eles falavam conosco. Desde que experimentaram a imersão na língua inglesa, a maioria deles estava falando e sonhando em inglês em outubro. Nós até tivemos um que fez uma viagem, no final de outubro, e teve dificuldade em falar fluentemente com outros de seu país em sua própria língua. Ele havia formado um hábito com o inglês.

  • Ao invés de focar o negativo em suas situações, inicie um novo hábito e foque sobre o positivo.

  • Mudar o negativo

  • Uma tempestade castigou a cidade de Phoenix em Nova York, a noite toda. O pessoal da meteorologia comparou a chuva a um jato de água suspenso sobre a cidade. A maior parte foi inundada. Vovô morava às margens do Rio Oneida, então inundação não era novidade, a parte chata foi que um relâmpago atingiu sua nogueira. No dia seguinte fomos pescar e peguei um Pike do norte. Vovô nos fez reunir as peças de madeira da nogueira derrubada pelo relâmpago, fêz uma fogueira e nós assamos os melhores hambúrgueres, peixes e milho na espiga que não comíamos há muito tempo. Muitas vezes eu me lembro como vovô transformou o terrível evento daquela noite em uma divertida atividade para sua família. Hoje ainda ao lembrar, eu sinto a felicidade que senti naquele dia.

  • Pense ou anote as coisas pelas quais você é grato, e compartilhe sua felicidade com familiares e amigos. Quando um amigo ou familiar estiver compartilhando com você, ouça e sinta a alegria que estão lhe transmitindo. Em breve todos os envolvidos vão esquecer suas provações e a negatividade vai embora conforme vocês se lembram da promessa de Oatman, "Conta as muitas bênçãos, não duvidarás, e num canto alegre os dias passarás."

  • _Traduzido e adaptado por Sarah Pierina do original Shared joy is a double joy, de Dennise Sleeper.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Leia o artigo, viva os ensinamentos e compartilhe!

Dennise Sleeper é mãe de 5 filhos e ama ensinar, ler e escrever. Em seu tempo livre gosta de passear pelo sul da Flórida com o marido, as crianças e os cães que adotou. 

Felicidade compartilhada é felicidade em dobro

Por que passamos tanto tempo pensando nas coisas ruins da vida? Quebre o hábito negativo e traga a positividade. Em breve, você verá a luz do sol na chuva.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr