Mudando para um lugar chamado "Cuidar de Si Mesmo"

Fechar a porta do seu passado é uma ótima maneira de impulsionar-se para um futuro brilhante.

14,697 views   |   70 shares
  • "O passado é um país estrangeiro: lá, as coisas são feitas de maneira diferente.", diz a primeira linha do romance de L.P. Hartley, "O Mensageiro".

  • Há muita sabedoria pura e simples nessa linha. Muitos de nós permanecemos dando voltas no passado. De alguma forma, racionalizamos que, permanecer lá, vai nos lembrar do que não devemos fazer de novo ou com quem não ficar novamente. Isso é como um alcoólatra recuperado dando voltas em torno de um bar. É um lembrete constante e desnecessário que ocupa muito espaço em sua mente e em seus sentidos.

  • O lado bonito de tudo isso é que é possível extrair deste país chamado passado, as partes que são saudáveis para você, sem trazer junto as que não são.

  • Amo a cultura da França, mas não necessariamente a comida. Adoro a comida do México, mas não necessariamente o calor. Amo o povo da Escócia, mas não necessariamente... - OK, não há muito que eu ame na Escócia.

  • Então, aqui está uma amostra de como eu apliquei as sábias palavras de Hartley para minha própria vida e meu passado:

  • Vivi no país chamado Norris por 17 anos

  • Neste país, houve abuso e opressão. Também houve risos, filhos lindos e aprendizagem. Saí daquele país e trouxe comigo o riso, as lindas crianças e as lições aprendidas. Deixei para trás o abuso e a opressão. Eu não gostava do modo como as coisas eram por lá, então me mudei para um lugar chamado Solteiro.

  • Vivi no país chamado Solteiro por cinco anos

  • Neste país havia pobreza, pouco sono, muita preocupação e solidão. Mas também houve um enorme crescimento, autoconhecimento, alegria e força. Trouxe estes comigo, deixei para trás as coisas ruins e me mudei para um país chamado Wilson.

  • Vivi no país chamado Wilson por quatro anos

  • Não demorou muito antes que eu descobrisse que não gostava da maneira como as coisas estavam lá. Havia muita dor de cabeça, mas também cinco cidadãos incríveis nesse lugar chamado enteados. Havia datas felizes, bobagens e mais uma vez, muito crescimento. O que era bom levei comigo, deixei para trás o que era feio e mudei-me para um país chamado Sem casa.

  • Eu vivi nesse país chamado Sem casa por 15 meses

  • Era um lugar de alucinante inconstância, desorientação, pobreza, mendicância e culpa. Mas nesse reino fantástico também encontrei muitos cidadãos que estenderam seus braços e cuidaram de nós. Trouxe comigo esse maravilhoso conhecimento da bondade das pessoas conhecidas e estranhas. Deixei para trás a culpa e a pobreza. Com a bagagem cheia de coisas boas, mudei para um país chamado Cuidar de si mesmo.

  • Advertisement
  • Mudei-me para o país Cuidar de mim mesma e ainda moro aqui

  • Fixei minha residência em um reino maravilhoso chamado Cuidar de mim mesma. Embora tenha havido transição, tem sido maravilhoso. Eu decidi ficar porque eu gosto da maneira como as coisas são feitas aqui.

  • Então, como você pode aplicar o padrão de L.P. Hartley a si mesmo?

  • 1. Mudar

  • Se a forma como as coisas são feitas onde você está não é saudável para você, deixe-as para trás. Deixe os vícios, relacionamentos rotos, maus hábitos e se mude para um "país" diferente.

  • 2. Faça um plano de viagem

  • Monte um itinerário. Verifique se está tudo desligado e então parta.

  • 3. Mantenha o que é bom

  • Quando você decidir deixar o país passado para trás, recolha todas as coisas boas que você passou. Pense no que você aprendeu. Como você cresceu devido ao tempo que passou lá?

  • 4. Decida se você nunca vai voltar

  • Agora que partiu, tire um tempo para pensar se é um lugar para o qual você nunca voltaria. O seu novo país é melhor? Pense nisso como crescimento. Se não for, rasgue a página de seu passaporte e permaneça onde está.

  • Como diz minha mãe, é importante perceber que "Quando você sabe mais, você faz melhor." Talvez quando você estava no seu antigo país, você simplesmente não sabia o que era o melhor. Mas agora você sabe. E sabe suficientemente bem separar as coisas boas, deixar as ruins e se mudar para um lugar seguro. Eu recomendo um país chamado:

  • 5. Cuidar de si mesmo

  • Lá o sol brilha, a água é clara e bonita, e os alimentos são inesquecíveis.

  • Traduzido e adaptado por Stael Metzger do original Move to a place called Taking Care of Yourself.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Nos ajude a divulgar a mensagem...

Becky Lyn is an author and a 35+ year (most of the time) single mom.

Website: http://www.beckytheauthor.weebly.com

Mudando para um lugar chamado "Cuidar de Si Mesmo"

Fechar a porta do seu passado é uma ótima maneira de impulsionar-se para um futuro brilhante.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr