Formando uma família bem sucedida: Dividindo as responsabilidades no casamento

No casamento o pronome “eu” deve ser substituído por “nós”. Acrescente a isso os princípios da união, respeito, amor e decisões em conjunto.

15,787 views   |   21 shares
  • A divisão das responsabilidades no casamento envolve basicamente a administração do lar e a educação dos filhos. Para uma família ser bem-sucedida, marido e mulher devem ser unidos, respeitar um ao outro, amar-se mutuamente e tomar as decisões em conjunto tanto na área administrativa quanto na educação dos filhos.

  • Na época em que me casei não havia me preparado para o matrimônio, imaginei que minha esposa faria tudo por mim, assim como era quando eu estava com minha mãe, e realmente ela o fez, porém o tempo passou e observei o quanto era dura a rotina de cuidar de um lar e educar os filhos.

  • A ideia do homem provedor vai muito mais além do que somente trabalhar e trazer o dinheiro para pagar as contas. É verdade que houve uma época em que somente eu trabalhava e ela cuidava integralmente do lar e educava nossos filhos, e mesmo assim, a carga era demasiadamente pesada para uma só pessoa fazer tudo isso.

  • No casamento não existe um maior que o outro, os dois são semelhantes, porém com responsabilidades diferentes. Com o passar do tempo, pude observar que a mulher tem muito mais aptidão para o casamento do que o homem, elas trazem consigo a natureza divina da maternidade e o espírito cuidador, ainda bem que corrigi minhas atitudes a tempo.

  • Algumas sugestões para formar uma família bem-sucedida:

    • Marido e Mulher devem ser unidos. Dividir para crescer e unir. Parece soar contraditória esta frase, mas é isso mesmo. Quando o casal divide as tarefas eles crescem juntos e consequentemente se unem no propósito de tornar o lar mais feliz, o fardo fica mais leve e a responsabilidade diminui. Quando ocorre o contrário e a balança pende somente para um dos lados, literalmente ocorre a divisão do casal.

    • Marido e Mulher devem respeitar um ao outro. Em todas as ocasiões existe o momento certo, e isto deve ser respeitado, tanto por parte de um quanto do outro. Pode-se acrescentar a este princípio outros dois, o arrependimento e o perdão. Ninguém está isento de cometer falhas, porém é necessário ter a humildade de reconhecer o erro e pedir perdão.

    • Marido e Mulher devem amar-se mutuamente. O homem casa para fazer a mulher feliz, e vice-versa, quando os dois tiverem este pensamento, eles deixarão o egoísmo de lado e o amor aumentará. Dividir essa responsabilidade fará com que cada um tenha o desejo de servir e fazer o melhor um ao outro cada dia mais, o espírito de amizade e união será mais forte e o casamento ficará mais atraente.

    • Marido e Mulher devem tomar as decisões em conjunto. Apesar de a mulher ter um instinto maternal, não significa que ela não possa participar das decisões que o homem toma, na realidade ela espera que ele tenha atitude e tome as decisões do lar porque ela vê nele um ser protetor, porém não antes de consultá-la. Faça de sua esposa sua principal conselheira, ao dividir essa responsabilidade e tomar as decisões em conjunto será muito mais fácil superar os desafios que um casamento traz, por outro lado quando o homem toma a decisão por conta própria, assume toda a responsabilidade e risco da decisão tomada e suas consequências.

  • Advertisement
  • Creio que outro princípio para que meu casamento seja bem-sucedido está na base do alicerce centrado na fé em Jesus Cristo e oração, quando colocamos Deus em primeiro lugar, todas as outras coisas são acrescentadas.

  • Sinto empatia por todas as mulheres e por tudo que elas fazem para ter um lar feliz. Minha esposa voltou a trabalhar fora, eu tenho a possibilidade de administrar meu tempo porque meu trabalho o permite, então, posso ajudá-la ainda mais com a administração do lar. Não tenho vergonha de dizer que lavo as roupas, limpo a casa, sirvo o jantar e levo as crianças para a escola. Obviamente ela continua fazendo isso, mas não impede de dividirmos essas responsabilidades.

  • Posso dizer aos homens que ainda não caíram minhas mãos e continuo a andar normalmente. Ajudem mais suas esposas, respeitem o momento de descanso que ela tem direito, peça conselhos a ela em todas as decisões, dividam as responsabilidades e terão uma família bem-sucedida. O casamento é muito mais que uma simples união, é companheirismo, amizade, igualdade, fidelidade e comprometimento.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos!

Sandro A Correa é graduado em Farmácia, pós-graduado em Fisiologia - UEL e Empresário do ramo de seguros. Natural de SCS - São Paulo; Casado, pai de dois filhos, tem como hobby a prática do tênis.

Website: http://mormon.org/por/me/9HPR/Sandro

Formando uma família bem sucedida: Dividindo as responsabilidades no casamento

No casamento o pronome “eu” deve ser substituído por “nós”. Acrescente a isso os princípios da união, respeito, amor e decisões em conjunto.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr