Felicidade conjugal: Como nunca brigar com seu cônjuge

Veja alguns atributos que todos os casais precisam entender, viver e praticar para desenvolver uma relação amorosa sem brigas.

26,369 views   |   shares
  • Imagine uma conversa entre uma mãe divorciada e sua filha de 13 anos de idade. A mãe explica à filha que o casamento é uma armadilha e que “todos os homens são uns porcos." Agora, imagine um homem casado com um grupo de jovens dizendo-lhes que ter uma esposa é como ter uma dor de cabeça lancinante e constante. O que essa mensagem ensina às gerações mais jovens? O que os "adultos" nessas duas situações estão realmente dizendo é que eles são muito imaturos e egoístas para poderem estar em um relacionamento estável e saudável. Infelizmente, a partir dessas perspectivas erradas, as crianças assumem que os homens são inúteis e que ter ou ser uma esposa é muito difícil.

  • Quando digo às pessoas que minha esposa e eu nunca brigamos e que realmente gostamos um do outro, eu vejo duas reações: choque ou descrença. A cultura popular e a atitude amarga de pessoas em recuperação após um casamento fracassado vão tentar convencê-lo de que um casamento feliz é impossível. Isso é uma mentira calculada que pode privá-lo de experimentar a verdadeira felicidade duradoura que existe em uma casa onde um marido e uma mulher se amam e amam seus filhos. Aqui estão algumas ideias (para antes e depois do casamento) que ajudarão você a nunca brigar com seu cônjuge.

  • 1. É suposto que o casamento seja permanente

  • Escolher um parceiro com quem você é compatível é a chave para ter um ótimo casamento. Antes de assumir um compromisso tão duradouro, certifique-se de que você aceita e abraça plenamente o fato de que vocês vão ficar juntos para sempre. Quando você se casa com alguém, também se compromete com a família do seu cônjuge. Se você não gosta da família do seu futuro cônjuge, ou eles não gostam de você, por que tornar essa relação permanente?

  • 2. O casamento não é um projeto de serviço

  • Se a única razão pela qual você está prestes a dar o sim é porque você sente que pode “ajudar” o seu futuro cônjuge, saia fora. Casamento requer um homem e uma mulher totalmente comprometidos e que ambos sejam mentalmente competentes, para serem bem-sucedidos. Se o seu futuro cônjuge precisa "ser consertado", você deve repensar se quer realmente passar a vida com esta pessoa.

  • 3. Você se casa com quem você namora

  • Mantenha em sua mente o tipo de pessoa com quem quer se casar. Uma vez que você tem essa imagem em mente, namore somente as pessoas que se enquadram nessa categoria. Cuidado com o “monstro lança-sombras”. Esse monstro ganha vida durante a fase inicial do processo de namoro e costuma lançar uma sombra sobre os olhos e enchê-lo de emoções que o impedem de ver as coisas com clareza.

  • Advertisement
  • Para derrotar o monstro lança-sombras, você deve deixar de lado todas as suas paixões cegas e realmente conhecer quem você está namorando. Conhecer um cônjuge em potencial não acontece enquanto assistem a filmes ou jogam videogame. Passe algum tempo conversando sobre questões que são importantes para você quando a cabeça não está nas nuvens.

  • 4. Nunca é tarde demais para ter um bom casamento

  • Se você sente que seu casamento não tem mais jeito, tente algumas táticas antes de considerar o divórcio. Um homem sábio uma vez me ensinou que se você faz o que sempre fez, você obterá o que sempre obteve. Isso significa que você tem que fazer algumas mudanças na maneira de agir em seu casamento. Tente ler um livro sobre relacionamento juntos. Frequentem um seminário sobre casamento, muitas vezes as igrejas oferecem esses cursos gratuitamente. O ponto é fazer alguma coisa para tentar consertar seu casamento. Um casamento é como um carro, se você negligenciar a manutenção regular, ele vai quebrar.

  • 5. Comunicação leva ao entendimento

  • Os Apócrifos ensinam uma valiosa lição sobre a comunicação: "O golpe de chicote deixa marcas no corpo, mas o golpe da língua quebra os ossos.” (Eclesiastes 28:17 ). Não use palavras como armas. À medida que vocês aprendem a se comunicar um com o outro, se sentirão menos inclinados a brigar. Sentir-se incompreendido pode levar a sentimentos de frustração e raiva. Em vez de responder à altura, faça perguntas esclarecedoras após seu cônjuge compartilhar algo com você. Diga "Eu acho que o que você está dizendo é ...” ou “Se eu entendi direito, você está dizendo...", isso vai dar ao seu cônjuge a oportunidade de esclarecer o que ele ou ela está falando. Essa prática vai lhe poupar de ficar chateado com alguns "supostos" significados por trás das palavras de seu cônjuge.

  • 6. A humildade é a chave

  • A Bíblia ensina que "só por orgulho provém a contenda..." (Provérbios 13:10). Isso significa que quando há briga no relacionamento, é porque alguém está sendo orgulhoso. Pense que você é o único que precisa ser humilde e aprender a ser agradável. Uma maneira de pôr em prática a humildade com o seu parceiro é nunca dizer não para o outro. Lembre-se, se você sabe tudo, não há mais nada que possa aprender.

  • _Traduzido e adaptado por Stael Pedrosa Metzger do original Marital bliss: How to never fight with your spouse.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Leia o artigo, viva os ensinamentos e compartilhe!

Dustin Wiggins is an optimist and entrepreneur.

Website: http://www.lessonsofwisdom.com

Felicidade conjugal: Como nunca brigar com seu cônjuge

Veja alguns atributos que todos os casais precisam entender, viver e praticar para desenvolver uma relação amorosa sem brigas.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr