Ajudando o passarinho relutante a deixar o ninho

O objetivo de todos os pais deveria ser criar filhos responsáveis e independentes. Siga essas 6 dicas para ajudar seus filhos a estarem prontos para voar.

718 views   |   shares
  • Recentemente, li um post no blog de Matt Walsh intitulado "Meu filho é superdotado. Ele tem 29 anos, é desempregado e mora no meu porão." Era uma resposta de alguém que ouvira uma transmissão de rádio de Matt Walsh sobre criação dos filhos. Era um pai que o repreendia por ensinar valores a seus filhos, ensiná-los a fazer as tarefas de casa e a trabalhar e por querer que seus filhos adultos saiam de casa para viver suas próprias vidas. O homem parecia pensar que o trabalho dos pais é sustentar financeiramente seus filhos indefinidamente enquanto não fazem nada para conquistar a independência. Que boa maneira de abrir os olhos para o jeito como alguns pais na sociedade de hoje permitem que seus filhos permaneçam dependentes deles!

  • Parte da paternidade é criar os filhos para se tornarem adultos independentes e responsáveis. Enquanto algumas crianças naturalmente parecem ansiosas para seguir em frente com suas vidas e entrar no mundo adulto, outras parecem mais relutantes em deixar o ninho. Para ajudar seus filhos a saírem do ninho, você precisa começar a ensinar-lhes as habilidades necessárias para fazê-lo enquanto ainda são novos.

  • 1. Cuidar de si mesmo

  • Conforme as crianças crescem, nós as ensinamos a se vestirem, escovar os dentes e tomar banho. Cada habilidade é ensinada em uma idade apropriada e dá à criança confiança e independência gradativamente. Por exemplo, quando nosso filho entrou no Ensino Médio, ele estava tendo dificuldade para organizar seu tempo entre aulas de música, ensaios de teatro e deveres de casa. Eu sugeri que ele fizesse um horário. Ao invés de fazer um para ele, eu simplesmente o guiei em como fazer um, mas expliquei que para funcionar ele precisava fazer por si mesmo. Então ele foi ao computador e criou uma tabela com intervalos de tempo que lhe permitisse colocar qual atividade ele precisava fazer em determinada hora. Além disso, conforme as crianças ficam mais velhas, elas podem ter mais responsabilidade para preparar as suas próprias refeições no café da manhã e lanche da escola. Ensine-os a fazer torradas, preparar uma vitamina de frutas, e eventualmente como fazer ovos mexidos e assar bolos. Crianças gostam de ajudar na cozinha e aprender a fazer algo por si mesmas. Ao preparar os lanches da escola, envolva seus filhos no preparo para que aprendam a fazê-lo sozinhas. À medida que crescem, você pode ensiná-los a fazer seu próprio sanduíche. Ao chegarem na idade do Ensino Médio, seus filhos devem ser capazes de no mínimo, preparar seu próprio café da manhã e lanche para a escola.

  • Advertisement
  • 2. Tarefas da casa

  • As crianças devem ser ensinadas desde pequenas a cuidar de seu ambiente de vida e seus pertences. Isso significa que são ensinadas a arrumar as camas, lavar a louça, limpar a casa e lavar a roupa. Pode parecer mais fácil fazer essas tarefas por elas, mas em longo prazo é benéfico para elas saberem como fazer as coisas por conta própria.

  • 3. Gerenciar o dinheiro

  • As crianças precisam ser ensinadas a gerenciar seu dinheiro através de mesadas (ou meios de ganhar um dinheiro através de trabalhos feitos em casa) e conseguindo um emprego quando tiverem idade suficiente para trabalhar fora. Ensine-as a economizar e fazer um orçamento do dinheiro que ganham.

  • Às vezes, os pais ensinam todas essas habilidades de vida para seus filhos, e eles ainda parecem relutantes em sair e tomar responsabilidade por si mesmos. Como, então, como pais podemos ajudá-los a aprender a voar por conta própria?

  • 4. Apresente-os para o mundo adulto

  • Comece fazendo com que eles paguem contas - mesmo que estejam em sua casa. Por exemplo, meu irmão mais velho voltou para casa depois da faculdade. Ele tinha um emprego de tempo integral e estava planejando fazer uma pós-graduação. Enquanto ele morou em casa, meus pais fizeram ele pagar parte de algumas contas. Eles queriam que ele entendesse que já tinha idade suficiente para assumir responsabilidades por si mesmo.

  • Dependendo das circunstâncias, filhos adultos nessas situações podem pagar por hospedagem e alimentação ou parte das contas de água ou energia, a sua própria conta de celular e outras despesas. Todos estes acordos podem ser escritos. Crie um contrato que ambos concordem e o assinem.

  • 5. Facilite a transição

  • Famílias diferentes têm maneiras diferentes de fazer isso. Algumas famílias dizem a seus filhos que eles são responsáveis por todos os custos da educação superior. Eles incentivam seus filhos a trabalharem durante o Ensino Médio, para economizar dinheiro e também a procurarem ganhar bolsas de estudo.

  • Nossa família criou um plano onde esperamos que os adolescentes ganhem e economizem dinheiro durante o Ensino Médio para os seu anos de faculdade. Nós concordamos em cobrir as mensalidades para um bacharelado, mas a cada ano da faculdade esperamos que eles assumam mais responsabilidades por seus próprios custos de vida. Como calouros, pedimos que eles paguem por seus livros e quaisquer outras despesas. Se moram fora, pedimos-lhe para pagar seu próprio aluguel e mantimentos também. Nós ajudamos quando necessário, mas esperamos que eles tenham aprendido a fazer orçamento, comprar com sabedoria e perceber o valor do dinheiro.

  • Advertisement
  • Outros fazem com que seus filhos paguem as mensalidades e depois os reembolsam. Isso permite que seus filhos valorizem a sua educação ao testemunhar o custo. Se seus filhos optarem por prosseguir com os estudos ou ir direto para o mercado de trabalho, é importante para eles essa facilitação para a vida adulta também.

  • 6. Todas as coisas boas chegam ao fim

  • Em algum momento, você precisa estabelecer quando o cordão umbilical será cortado, assim como os cordões financeiros. Pode parecer cruel, mas se o seu filho mora em casa, enquanto está na faculdade ou quando entra no mercado de trabalho, defina uma data na qual ele terá que sair de casa ou começar a pagar aluguel para você. A idade média que os filhos saem de casa e seguem em frente está quase chegando nos 30 anos. Deixar que seus filhos permaneçam em casa sem responsabilidades lhes faz um desserviço. Parte de ser pais é dar aos nossos filhos as habilidades necessárias para viver por conta própria, para que eles sintam a emoção de voar por si mesmos.

  • _Traduzido e adaptado por Sarah Pierina do original Helping the reluctant birdie out of the nest.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe agora...

Robyn Carr is a graduate of Brigham Young University, the mother of 5 and grandmother to 1. She currently lives in North Carolina.

Ajudando o passarinho relutante a deixar o ninho

O objetivo de todos os pais deveria ser criar filhos responsáveis e independentes. Siga essas 6 dicas para ajudar seus filhos a estarem prontos para voar.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr