7 formas de ser um péssimo pai

Embora não sejam recomendadas, estas dicas simples podem colocá-lo na lista de piores pais rapidinho!

20,203 views   |   30 shares
  • Ao contrário de grande parte do reino animal, as crianças humanas precisam de orientação, amor e liderança de ambos, da mãe e do pai. Alguns pais entendem isso e são capazes de equilibrar trabalho e outros compromissos para ser parte da vida de seus filhos. Outros, no entanto, parecem negligenciar seus deveres de pai, assim como gatos machos ou galos.

  • Quando se trata de que tipo de pai você vai querer ser para seus filhos, a escolha é sua. Se, em alguns anos, sua esperança é ter seus filhos em terapia devido à confusão que você causou em suas vidas, siga estas regras simples para ser o principal culpado e um pai terrível.

  • 1. Coloque sua carreira, esportes, amigos e outras tarefas à frente de sua família

  • Entre longas horas no trabalho, viagens de negócios, assistir a esportes na TV ou praticar esportes com os amigos, trabalho no jardim e outras tarefas, há muitas responsabilidades para ocupar seu tempo. Sim, é necessário trabalhar, mas é preciso estar em equilíbrio com um tempo para a família. Homens precisam de um tempo para relaxar e descontrair, mas as crianças também precisam de atenção e amor paterno. Se a sua agenda o torna indisponível para sua família do nascer ao por do sol frequentemente, talvez seja hora de reavaliar se você quiser poupar seus filhos e a si mesmo da dor de ter, ou ser, um pai ausente.

  • 2. Evite o temido “A gente já chegou?” ao não fazer viagens em família

  • Embora viajar com crianças às vezes possa ser difícil, frustrante e, provavelmente, comprometa a sua saúde mental, esse tempo insubstituível com sua família vai acabar antes que você perceba. Crianças são crianças por pouco tempo antes de se mudarem e começarem suas próprias famílias. Claro, você sempre pode trabalhar por mais horas, terminar projetos em casa, conseguir um tempinho extra para fechar os olhos e descansar enquanto sua esposa e filhos estão longe. Mas, muitas memórias de família são feitas durante a viagem juntos. Se o pai não estiver lá, ele não vai fazer parte das boas lembranças.

  • 3. Responda às perguntas em tom mal-humorado ou fale com seus filhos de forma rude

  • “Pai, por que o céu é azul?”, “O que faz os carros irem tão rápido?”, “O que as minhocas comem?”. As repostas podem ser óbvias para você, mas uma criança curiosa procura por respostas em seus anos de formação. Ao invés de gritar uma resposta, reserve tempo para responder sua curiosidade ou procurar a resposta com ela. Isso irá fortalecer a confiança e o vínculo entre você e seu filho. Então, quando surgirem os problemas reais e as situações difíceis, haverá maior probabilidade dele procurar você para ajuda e apoio ao invés de procurar respostas (incorretas) em outros lugares.

  • Advertisement
  • 4. Nunca esteja presente nas apresentações de seus filhos ou outros eventos especiais

  • Apresentação do coral? Evento esportivo? Uma peça de teatro? Sem dúvidas você está cansado, ocupado e precisando de uma folga, mas leve em consideração o trabalho duro de seu filho para aprender uma nova habilidade ou decorar falas. Claro, sua esposa consegue dar conta sozinha, um cunhado, amigo ou professor pode ir substituir, mas seu filho quer VOCÊ. Haverá outras apresentações, mais jogos nos próximos anos e outros eventos para pais e filhos, mas cada um deles é especial para seu filho.

  • 5. Exija silêncio na mesa ou enquanto assiste TV

  • Se o seu mantra é "crianças devem ser vistas e não ouvidas", é hora de consertar as coisas. Com certeza, você está exausto do trabalho e só precisa de um tempo para assistir à televisão ou desfrutar de um jantar tranquilo, mas seus filhos serão pequenos por pouco tempo. Eles precisam desenvolver um relacionamento com você. Use sua TV para o bem: grave, pause, retroceda e desligue-a. Logo vai chegar a hora de dormir das crianças, e então você pode desfrutar da solidão.

  • 6. Falar mal sobre ou para sua esposa na frente dos filhos

  • Você é o patriarca da casa e deve ser respeitado. Mas, sua esposa é sua parceira, o amor de sua vida e a mãe de seus filhos. Tratá-la mal gera consequências futuras para seus filhos. "Se a mamãe não está feliz, ninguém está feliz" é igualmente verdadeiro. Sua esposa não é sua escrava ou empregada, ela é igual a você. Seja respeitoso, e seus filhos também saberão como tratar seus cônjuges com amor e respeito. Se não, será mais uma coisa que eles podem culpar seu velho querido pai.

  • 7. Levante sua voz com raiva e frustração

  • Ninguém realmente avisou sobre como as crianças podem ser irritantes - elas são bagunceiras, barulhentas, carentes e parecem saber exatamente como fazer você perder a paciência. Mas, elas estão aprendendo como o mundo funciona, e é uma tarefa difícil. Raiva constante em sua presença irá ensinar-lhes que o mundo é cruel e sem amor. Em vez disso, respire fundo, conte até 10, faça uma oração e, em seguida, fale com seu filho da maneira que você gostaria de ser tratado. Aprenda a ser paciente e amável, e você não irá se arrepender dos resultados.

  • É preciso esforço para ser um bom pai ou um pai terrível. Mas, os benefícios de ser um bom pai superam os custos de ser um pai terrível. A coisa mais importante que você pode fazer para sua família é amá-la e passar tempo com ela. Não basta dizer - mostre a eles que você os ama. TV, relaxamento e horas extras de trabalho podem esperar, mas crianças em crescimento não. Não deixe a vida passar por você e deixá-lo sozinho e infeliz. Ter bons relacionamentos com seus filhos é uma coisa da qual você nunca irá se arrepender.

  • Advertisement
  • Traduzido e adaptado por Sarah Pierina do original How to be a terrible father.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Em seu "tempo livre", ela gosta de ler (ou ouvir livros de áudio uma vez que ela não tenha tempo para ler), escrever, bloggar, exercitar-se, ensinar a língua de sinais, interpretar para surdos, e passar tempo com seu belo hubbie, Rick. É autora de vários e-books, inclusive, "Positive Parenting: Desenvolvimento de Disciplina sem gritar, irritante, Spanking ou Time-Outs" (www.firstratefamily.com), "Língua de sinais para Bebés e além", (www.signing4babies.com), "Tradições e Rituais felizes de família" e "Celebrando a maternidade", (www.celebratingmother.com) Você pode se inscrever on-line para o boletim gratuito "Positive Parentingem www.firstratefamily.com

Website: http://www.firstratefamily.com/

7 formas de ser um péssimo pai

Embora não sejam recomendadas, estas dicas simples podem colocá-lo na lista de piores pais rapidinho!
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr