Saiba porque a Holanda tem as crianças mais felizes do mundo

O que a Holanda tem para ser o país com as crianças mais felizes do mundo? LEIA 5 razões neste artigo.

14,185 views   |   27 shares
  • Apesar da minha opinião sobre a equipe holandesa do futebol e seu desempenho no passado e na Copa do Mundo de 2014, há algo bastante intrigante com a forma como os pais na Holanda educam seus filhos. Com base no relatório Bem-Estar da Criança de 2013 da UNICEF, a Holanda é o país número 1 do mundo para criar filhos felizes. Aqui estão cinco razões que explicam o porque dos resultados apresentados (mais um bônus):

  • BÔNUS: "Hagelslag" com pão e manteiga no café da manhã. Todos os dias

  • Eu não pude resistir a escrever o bônus primeiro, uma vez que, na minha opinião, tem muito a ver com a felicidade de crianças na Holanda. O café da manhã mais popular da Holanda, quase um mini almoço, é uma fatia de pão integral com chocolate granulado (Hagelslag). A revista Amsterdan informou que "a quantidade de consumida no país ultrapassa 20 milhões de kilos de chocolate polvilhados em 850 milhões de fatias de pão. Para obter uma comparação visual, se você alinhar as torradas lado a lado, terá torradas sificientes para dar a volta ao mundo pela linha do Equador duas vezes!". Segundo a lenda urbana, tudo começou em 1936, quando um menino de cinco anos de idade se queixou sobre sua torrada sem graça para a empresa holandesa de torradas Venz. Agora o relatório...

  • 1. As crianças têm o que eles precisam

  • A primeira constatação dos relatórios falam sobre as crianças e seus amigos, seria uma criança ver a pobreza em seus amigos. Uma criança vê pobreza em seus amigos ou eles vivem em condições semelhantes? Na Holanda, o hiato de pobreza entre as crianças é o menor entre os "países industrializados", vários países têm permitido que o fosso da pobreza infantil aumente em mais de 30%. Eles são a Bulgária, Irlanda, Itália, Japão, Lituânia, Roménia, Eslováquia, Espanha e Estados Unidos. Para a UNICEF, criar filhos não é uma experiência isolada no seio da família, mas um esforço de toda uma comunidade que é influenciada pela interação das crianças e seu bem-estar pessoal. Além disso, e talvez mais importante, a porcentagem de mães jovens que trabalham é a menor em comparação com outros países, porque elas estão criando seus próprios filhos, ficando fora do mercado de trabalho por longos períodos.

  • Advertisement
  • 2. As crianças são saudáveis e seguras

  • As crianças possuem vacinação em dia e como país, há uma baixa taxa de mortalidade infantil. Os pais também têm acesso a um sistema de saúde que funciona, o que torna tudo muito mais fácil. O sistema de saúde na Holanda relata que apenas 1% da população não tem seguro de saúde, a um custo médio anual de 33 mil euros. Felizmente, a maioria dos países industrializados possui um bom desempenho no relatório com exceção da Áustria, Canadá e Dinamarca, com os níveis de imunização abaixo de 90%.

  • 3. Elas têm oportunidades constantes para aprender (em todas as idades)

  • Tudo começa quando as crianças são bem jovens sendo que as taxas de educação pré-escolar estão entre 90%. As estatísticas incríveis também mostram que mais tarde os filhos continuam sua educação; o percentual de crianças e adolescentes que abandonan a escola, preparação profissional entre as idades de 15 a 19 anos é inferior a 3%. Além disso, a qualidade da educação em relação à leitura, matemática e ciências coloca a Holanda entre os 3 primeiros países industrializados do mundo. Tenho certeza de que há algo a aprender aqui.

  • 4. São disciplinadas a evitar vícios, brigas, bullying e gravidez na adolescência

  • Este foi um resultado surpreendente que eu nunca teria imaginado da prestação de contas da UNICEF, no entanto, na minha opinião, é tão importante quanto os outros. A Holanda é o país com menor obesidade infantil, tabagismo, alcoolismo, consumo de maconha ao mesmo tempo que possui resultados altíssimos em relação a consumo do café da manhã (o "hagelslag" tem algo a ver com isso), frutas e prática de exercícios. Outras questões levantadas pelo relatório incluem responsabilidade e conhecimento elevados a respeito de bullying e gravidez na adolescência. A Roménia, Reino Unido e Estados Unidos possuem as maiores taxas de gravidez com 29 a cada 1000 adolescentes.

  • 5. Habitação e meio ambiente

  • Isso não diz respeito sobre construções confortáveis ou a poluição do ar, mas mesmo assim é uma grande parte disso. Isso diz respeito ao bem-estar físico e mental. A taxa de homicídio é um fator determinante em relação a depressão e saúde mental das crianças. A Holanda tem a menor taxa de homicídios com a Estônia, Lituânia e Estados Unidos do outro lado do espectro.

  • Mesmo que essas cinco categorias tratem mais sobre o "ambiente" das crianças, os Países Baixos também obtiveiram a maior pontuação na seção "interpessoal", ou seja, o bem-estar geral das crianças inclui "relações satisfatórias das crianças com os pais e comunidade" - que inclui comunicação eficaz e oportunidades e a "satisfação das crianças - incluindo adolescentes - com a própria vida".

  • Advertisement
  • O aspecto mais interessante desta seção foi a de que as crianças têm a sua própria voz e uma estreita relação com seus pais, mães e colegas.

  • Se você está interessado neste tópico leia o excelente artigo sobre como se comunicar com seus filhos de forma mais eficaz.

  • Fonte da imagem: ENCA

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Saiba porque a Holanda tem as crianças mais felizes do mundo

O que a Holanda tem para ser o país com as crianças mais felizes do mundo? LEIA 5 razões neste artigo.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr