Como a oração pode nos ajudar, enquanto pais e mães, a saber as necessidades das nossas crianças?

Através da oração podemos, com a ajuda do Senhor, conhecer e saber mais sobre as necessidades de nossas crianças. .

3,402 views   |   8 shares
  • As crianças possuem uma forma muito peculiar de se expressar, diferente daquela utilizada por adultos. Nós adultos expressamos nossas necessidades, dores, alegrias e angústias através da fala, com as crianças nem sempre é assim que acontece.

  • Às vezes conseguimos ter uma pequena noção do mundo infantil através do brincar; e em alguns casos, nem assim. Como então poderíamos saber do que precisam nossas crianças se nem sempre elas nos expressam isso?

  • De fato nós, enquanto mães e pais, podemos nos sentir frustrados e impotentes, mas não precisa ser assim. Está à nossa disposição um recurso bastante útil que poderá de forma extraordinária nos ajudar nessa tarefa celestial de criar filhos.

  • Ferramenta a ser utilizada em todos os momentos

  • Esse recurso é a oração. No mundo em que vivemos, com todos os perigos que nossas crianças estão sujeitas, não podemos abrir mão de tão importante bênção, a de ter auxílio divino na criação de nossos pequeninos.

  • Precisamos de inspiração divina (recebida através da oração) para saber quais são as necessidades de nossas crianças e, dessa forma, falar diretamente aos seus corações e agir de modo a exercer uma influência positiva e duradoura em nossos pequenos.

  • Rosemary M. Wixom (líder religiosa) considera que: "Se orarmos para saber quais são essas necessidades, as próprias palavras que dissermos podem ter o poder de tocar o coração delas".

  • A oração por meus filhos é um hábito constante em minha vida. Sempre orei e continuarei orando ao Pai Celestial por proteção, mas também para que Ele me inspire a saber quando algo estiver errado com relação aos meus filhos e como agir nesses momentos.

  • Situações formais e informais: aprendizado pelo exemplo

  • Certo dia, meu filho mais velho, então com 6 anos, chegou da escola e me contou que havia tropeçado na cadeira de um garoto do 5º ano, na hora do intervalo, e que o garoto se irritou e além de ameaçá-lo o empurrou.

  • Eu, como mãe, fiquei preocupadíssima; ainda mais porque o garoto era alguém que conhecíamos a família. Eu disse ao meu filho para que me contasse detalhadamente o que ocorrera para que eu tomasse providências, mas nesse momento ele recuou e disse que não se lembrava direito do que tinha acontecido e que eu deixasse para lá, obviamente estava com medo.

  • Fiquei mais angustiada ainda porque não sabia o quanto meu filho podia estar sendo ameaçado na escola, com toda essa onda de bullying, e por que estava com medo de me contar a verdade. Fui para outro cômodo da casa, me ajoelhei e orei ao Senhor para que me ajudasse a saber o que havia de errado com meu filhinho.

  • Advertisement
  • Sempre brinquei com meus filhos dizendo que as mães sabem de tudo o que acontece com eles. Chamei-o e perguntei mais uma vez o que havia acontecido. Ele me olhou com os olhinhos cheios de lágrimas e me disse:

    • Mãe você sabe o que aconteceu, não sabe? Você sempre sabe! -Me abraçou muito forte aos prantos.
  • Sim eu sabia, meu filhinho de 6 anos estava sendo ameaçado na escola por um garoto de 10 anos, e estava com medo. Contudo, meu filho também sabia que se não pudesse me contar, de alguma forma eu saberia.

  • Felizmente esse foi um episódio isolado e não voltou a acontecer. Conversei com a mãe do menino e ele se desculpou com meu filho e comigo, era um garoto bom e com bons pais.

  • O que aprendi com essa experiência foi que, independente da situação, seja ela grave ou não, nós podemos sempre contar com a ajuda Divina para saber o que se passa com nossas crianças e, principalmente, saber o que falar ou como e quando agir.

  • Nossos filhos precisam saber que podem confiar em nós até mesmo quando eles não puderem nos contar o que está acontecendo.

  • Busque orientação Divina, através da oração, para saber quais as necessidades de seus filhos ou crianças pelas quais for responsável e dessa forma nossa influência será direcionada direto ao coração.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Leia o artigo, viva os ensinamentos e compartilhe!

Taís Bonilha da Silva, estudante de Psicologia, atua na área da Saúde Mental. Participa do Programa de Monitoria na Universidade na disciplina de Análise do Comportamento. Esposa e mãe de 2 filhos.

Como a oração pode nos ajudar, enquanto pais e mães, a saber as necessidades das nossas crianças?

Através da oração podemos, com a ajuda do Senhor, conhecer e saber mais sobre as necessidades de nossas crianças. .
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr