Há quanto tempo você não sente um friozinho na barriga?

Um erro que a maioria dos casais comete é deixar de ver as coisas positivas um no outro. Casais que continuam com as lentes do otimismo são menos propensos a se separar.

88,393 views   |   46 shares
  • Quando você conheceu seu parceiro, você estava imerso em sua fase de paixão. Ele era tudo para você. Seus beijos, seus carinhos, suas palavras doces e seus olhares eram suficientes para você se sentir a mulher mais feliz do universo. Você estava vivendo a fase doce do amor romântico, típica do início de um relacionamento amoroso.

  • Mas com o tempo, sua barriga começa a lhe incomodar, essa maneira irritante que ele lhe beija de manhã começa a atormentar você e você começa a odiar suas meias jogadas pela casa. Ele já deixou de ser o príncipe encantado e está na fase do "falta muito?", porque você já não vive com aquelas ilusões que ocupavam sua mente noite e dia.

  • Várias pesquisas realizadas sobre o amor romântico têm apontado que em relacionamentos longos há uma clara dificuldade em manter a ilusão própria da fase inicial da paixão.

  • Será que a ilusão acabou?

  • Então você deve mudar de parceiro cada vez que começa a se decepcionar? Isso é uma sentença para renunciar ao friozinho na barriga? Embora seja impossível viver em um estado contínuo de paixão, como na fase do amor romântico, não significa que em um casamento não exista lugar para refrescar as ilusões que mantêm viva a chama do amor.

  • Pois bem, cara leitora, é hora de voltar a abraçar suas ilusões novamente, eu não sei onde você as deixou, mas eu tenho boas notícias.

  • Apesar de ser difícil de acreditar, você pode manter esse primeiro estado ideal para a eternidade, apostando na permanência do vínculo e baseando-se em coisas que são eternas, tais como confiança, respeito, companheirismo e projetos.

  • Sandra L. Murray, Dale W. Griffin e John G. Holmes, acadêmicos, especialistas da Universidade de Buffalo em relacionamentos expressaram: "os relacionamentos são mais propensos a sobreviver (mesmo após as dúvidas e conflitos), quanto mais idealizamos nosso(a) parceiro(a)."

  • Seja positiva com seu parceiro

  • Quando perguntaram a Michelangelo como ele havia criado uma estátua tão bela como a de David, ele disse: "Foi fácil. Eu vi um anjo no bloco de mármore e apenas o esculpi até que o libertei." Um erro que muitas pessoas cometem é que uma vez que a ligação foi estabelecida, não conseguem ver as coisas positivas um no outro. No entanto, a pesquisa mostrou que as pessoas que têm uma imagem um pouco melhorada de seus parceiros desfrutam de uma maior felicidade e têm menos conflitos. Se você se mantiver positiva no que diz respeito à imagem do seu amor, você o ajuda a melhorar sua autoestima. Seus olhos são o espelho perfeito onde ele se verá refletido. Mesmo que sua barriga esteja crescendo, certamente ele ainda tem aquele sorriso que lhe encanta. Faça uma lista com as coisas positivas que você vê nele e diga-lhe uma por dia. Isso ajudará a manter esse vínculo cada vez mais sólido. Ser positiva é uma forma de renovar o casamento a cada dia.

  • Advertisement
  • Você se lembra do friozinho na barriga?

  • Essa sensação não precisa ir embora, a pesquisa também chegou a mostrar que os casais que lembram apenas de coisas negativas que aconteceram têm mais vontade de terminar o relacionamento. Os casais que não se concentram tanto nos problemas são menos propensos a querer se separar. Isso significa ser ingênua? Claro que não. Apenas tome cuidado para que durante uma conversa, você primeiramente realce os aspectos positivos e então, para resolver o conflito, você pode mencionar o que lhe perturba. Os resultados são melhores. Antes de dizer "Estou cansada das suas meias jogadas pela casa", talvez você possa dizer "Venha me dar um abraço, estou tão cansada, passei a tarde recolhendo brinquedos e meias por todos os lados, você parece uma centopeia, mas mesmo assim eu te amo". Com certeza ele irá abraçar você e ajudar a recolher suas meias, então esse friozinho na barriga vai voltar.

  • Novidades e variedade aumentam a paixão

  • Outro pesquisador, Arthur Aron, estudou vários casais para descobrir o que alimentava a paixão nos casamentos de muitos anos. Depois de bater em centenas de portas e de longas conversas, ele chegou à conclusão de que a continuação do romantismo está intimamente ligada com a capacidade de prolongar esse momento de autoconhecimento que era próprio da paixão. Talvez você se lembre de que nessa fase você gostava de se arrumar, colocar uma roupa bonita e esperá-lo com alguma novidade. Agora que seus filhos estão na escola talvez ele chegue em casa e você esteja de pantufas, com o rosto sujo e cheirando a frango frito. Para reviver a paixão daqueles tempos você não precisa de dinheiro, mas de criatividade. Faça uma surpresa, por exemplo, coloque as crianças na cama cedo, tome um banho e coloque uma roupa elegante, esquente o jantar e leve-o para a sacada, onde você preparou tudo para a surpresa. Procure variedade nas coisas que fizerem juntos, converse com seu parceiro sobre seus sonhos e procurem caminhos alternativos juntos. Você sabe quantos homens anseiam por algo e não expressam essa vontade? Nem sempre tem a ver com sexo, eles também escondem seus desejos de ir pescar, de passear ou ter um fim de semana na praia, ir dançar ou praticar esportes com sua esposa.

  • Olhe para o seu marido como o anjo em um bloco de mármore e faça como Michelangelo: seja capaz de descobrir a beleza nele. Basta agarrar seus sonhos e não deixá-los ir embora, descubra que esse homem barrigudo (ou com qualquer outro defeito que você descobriu recentemente) ainda tem a paixão em seus olhos quando olha para você.

  • Advertisement
  • _Traduzido e adaptado por Sarah Pierina do original ¿Hace cuánto no sientes mariposas en el estómago?

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Marta Martínez é do Uruguai. Ela é formada em psicologia e tem pós-graduação em logoterapia. Ela ama o que faz e adora servir ao próximo.

Há quanto tempo você não sente um friozinho na barriga?

Um erro que a maioria dos casais comete é deixar de ver as coisas positivas um no outro. Casais que continuam com as lentes do otimismo são menos propensos a se separar.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr