Soluções para criar os filhos em uma era digital

A era digital é uma grande parte do mundo infantil. Os pais precisam estar bem informados e prontos para alertar sobre os perigos e incentivar o bem.

1,258 views   |   5 shares
  • Em todo lugar você vê crianças e adultos colados aos seus iPhones, iPads, ou algum dispositivo eletrônico. Fomos visitar um parente recentemente e lá no sofá estavam quatro primos adolescentes, meninos e meninas, todos com eletrônicos, rindo e compartilhando vídeos do YouTube.

  • Eles estavam se divertindo bastante. Aqui está o conteúdo básico da conversa: "Você já viu esse? É hilário." Em seguida, todos clicam no link e as risadas começam. Depois disso, outro primo entra na conversa: "Você vai amar este." E todos vão assistir ao vídeo. Mais risadas.

  • A era digital está em plena floração. Não há como escapar dela - e não é completamente ruim. Na verdade, existem algumas grandes vantagens para descobrir, qualquer que seja sua idade. Pais e avós têm de ser participantes mais experientes ou eles serão deixados para trás. Se você não souber como, pergunte aos seus filhos ou netos. Eles vão amar lhe ensinar. Isso os coloca em uma posição elevada. Ao invés de sempre ser o aluno, eles vão poder ensinar. É uma sensação boa. Os pais não podem orientar seus filhos corretamente na era digital se não tiverem pelo menos alguma compreensão do assunto.

  • Nas escolas

  • A maioria das escolas nos Estados Unidos, já está equipaa com laptops e iPads para o uso dos alunos. Em uma conversa recente, Shauna Palmer, uma professora de governo e política no ensino médio, disse que suas preocupações não eram tanto que os alunos tivessem seus próprios eletrônicos, uma vez que a maioria das escolas está bem equipada, mas que eles utilizassem os aparelhos corretamente. "Muitas vezes, quando passamos atividades, os alunos pensam, 'Sem problemas. Eu vou procurar o assunto no Google e facilmente encontrar o material'", disse Palmer. "Descobri que quando os alunos dependem apenas do Google, eles não aprendem o material tão bem. É uma resposta rápida com pouco ou nenhum valor de retenção. Eu exijo no mínimo três fontes para minhas redações." Ela quer que eles se aprofundem no assunto e comparem as informações e cheguem a suas próprias conclusões quanto às soluções. Ela quer que eles vão além de pensar que tudo o que leem na internet é verdade. Seu objetivo é que os alunos aprendam a fazer comparações e pensar por si mesmos.

  • Os alunos acham muito tentador e fácil fazer uma busca rápida para que eles possam voltar a mandar mensagens para os amigos e jogar seus jogos eletrônicos. Ela disse que essa mentalidade está muitas vezes presente em suas redações. Alguns alunos estão tão acostumados a mensagens de texto que usam esta mesma linguagem em uma redação, para terminá-la com pressa. Ela disse, "Isso é inaceitável em minhas aulas. Quem estiver usando abreviações de mensagens de texto receberá uma nota negativa em sua redação. Eles devem aprender a se comunicar com precisão quando escrevem ou vão acabar reprovando na vida real também." Ela tem a esperança de que os pais vão insistir no mesmo nível de escrita e ajudá-los a alcançá-lo.

  • Advertisement
  • Outras preocupações

  • Em relação às habilidades de comunicação verbal, em um artigo Huffington, Melissa Ortega, uma psicóloga infantil no New York's Child Mind Institute, disse: "Eu não consigo imaginar essas crianças e jovens sentadas em uma entrevista e tendo uma conversa recíproca facilmente". "Eles não tiveram esses anos de aprendizado sobre pausas desconfortáveis. Ser capaz de tolerar o desconforto não é algo com o qual estarão acostumados, a menos que seus pais façam disso uma prioridade." Mais uma vez, as crianças precisam de pais que estejam envolvidos em ajudá-los a aprender a se comunicar face a face, não apenas através de mensagens de texto.

  • Perigos digitais

  • Uma jovem mãe descobriu recentemente pornografia em seu computador de casa. Ela e o marido ficaram atordoados. Como eles têm um filho adolescente eles temeram que ele estava vendo os sites inadequados. Depois de intenso questionamento eles tiveram certeza de que ele não era o culpado.

  • Em seguida, seu filho de 7 anos de idade, admitiu que ele era o culpado. O pequeno, que está aprendendo a soletrar, pensou que seria engraçado digitar a palavra "nu" no Google. Você pode imaginar o que pode ter aparecido. Ele admitiu que achou interessante e ficou olhando. Os pais procuraram o histórico do computador e descobriram que ele tinha visto vários sites, e não apenas uma, mas várias vezes. Ele disse que não conseguia parar. Eles conversaram com ele sobre a gravidade de tal comportamento e como pode ser viciante. Eles colocaram um filtro em seu computador e encontraram um bom conselheiro para ajudar a eles e seu filho.

  • Os pais devem colocar filtros em seus computadores para proteger seus filhos. Além disso, eles devem ensiná-los mais cedo que existem sites inadequados que podem ser muito prejudiciais para eles. Eles devem prepará-los para quando não estiverem no computador de casa.

  • Aproveite o lado bom

  • Há tanta coisa boa disponível nesta era digital. Embora devamos educar nossos filhos sobre o mal, também devemos ajudá-los a aprender o que é bom. Na verdade, eles precisam estar familiarizados com o mundo da informática.

  • De acordo com a Computing Research Association, trabalhos futuros dependem de habilidades computacionais. A associação projeta que entre 2006 e 2016, empregos novos e de substituição para especialistas em informática irá compor 62% dos postos de trabalho com base científica, em comparação com os trabalhos em outras ciências e engenharia. Para os novos empregos criados projetados, eles compõem 70%.

  • Advertisement
  • "Se uma geração no temor da tecnologia não dominá-la, eles serão dominados por ela ou pelas pessoas que a entendem fluentemente", o pesquisador Ryan Henson Creighton afirma.

  • Apoiar o uso saudável do computador para os seus filhos irá prepará-los para desfrutar de seus benefícios. Esta é uma parte importante da preparação para um futuro de sucesso. Ao estar envolvidos na sua educação e conversar com seus professores, você pode guiá-los na direção certa.

  • _Traduzido e adaptado por Sarah Pierina do original Tips for raising kids in a digital age.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Gary Lundberg is a licensed marriage and family therapist. Joy is a writer. Together they author books on relationships.

Website: http://garyjoylundberg.com

Soluções para criar os filhos em uma era digital

A era digital é uma grande parte do mundo infantil. Os pais precisam estar bem informados e prontos para alertar sobre os perigos e incentivar o bem.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr