Do que realmente os homens mais têm medo

Os homens devem ser durões. Eles deveriam olhar o perigo nos olhos, sem pestanejar. Mas essas coisas vão realmente assustar um homem.

113,733 views   |   87 shares
  • Milhares de anos atrás, nossos ancestrais, homens das cavernas, eram responsáveis por defender suas famílias contra tigres que queriam comer suas esposas e filhos no jantar. Não só isso, mas nossos ancestrais, homens das cavernas, também tinham que caçar dia e noite com armas primitivas para encontrar comida suficiente para manter suas esposas e filhos sem fome.

  • Felizmente, nós, homens, já não temos de lutar contra tigres-de-dente-de-sabre para proteger nossas famílias. Na verdade, a maioria das lutas que temos nos dias de hoje é contra o trânsito, ou para encontrar uma boa vaga de estacionamento. E, em vez de ter que procurar comida usando armas primitivas, a caça mais primitiva que temos que fazer é por melhores preços em três supermercados diferentes em um carro sem ar condicionado.

  • Sim, felizmente temos evoluído ao ponto em que nós, homens, já não temos que lutar contra animais selvagens para manter nossas famílias a salvo. Mas mesmo que esteja em nossos genes evolutivos ser protetores e caçadores sem qualquer medo de fazer o que é necessário para a proteção de nossa família, ainda há coisas que nos assustam sobremaneira. Claro, não tem a ver com ser comido por predadores no meio da noite (eu tenho certeza que isso nos iria assustar, também, caso acontecesse - quem não ficaria com medo?). Mas ainda são coisas convencionalmente assustadoras para nós.

  • O que os homens realmente mais temem

  • O medo de falhar

  • Como homens, ainda temos poder aquisitivo mais elevado do que as mulheres. Mesmo que achemos isso tão injusto quanto vocês, ainda é um fato estatístico. E estamos conscientes de que nosso salário é geralmente a maior parte da renda familiar. Então, se nós falharmos, isso normalmente significa que colocamos nossa família em um aperto financeiro, e os nossos filhos vão ter que ficar sem os sapatos novos que eles queriam para a escola. E isso nos faz sentir tão mal quanto se não os tivéssemos protegido de serem devorados por algum animal. Tememos esse cenário tanto que, por vezes, nos colocamos com mais ênfase em um trabalho insalubre apenas para nos certificar de que nunca tenhamos que deixar nossas esposas e filhos passarem por isso.

  • O medo da rejeição

  • Reconhecemos que os tempos mudaram. Porque nós, homens, não somos mais necessários para proteger fisicamente as nossas famílias e às vezes nos sentimos perdidos sobre qual é o nosso papel na família. É especialmente assustador ver que metade das mães que têm filhos são mães solteiras, um terço das crianças vive atualmente em lares com pais ausentes, e a grande maioria dos divórcios (mais de 65 por cento) são propostos por mulheres. Devido a isso, não podemos deixar de nos sentir descartáveis. E é um dos sentimentos mais terríveis do mundo.

  • Advertisement
  • O medo da negação

  • Falando de nossos ancestrais, homens das cavernas, as mulheres das cavernas tinham que ser muito seletivas quanto a seus companheiros. Já que uma mulher grávida de nove meses não pode correr muito rápido na frente de um tigre-de-dente-de-sabre, ela tem que ser muito seletiva na hora de escolher um companheiro que vá ficar por perto para protegê-la e ao nascituro. E o homem das cavernas que tinha a sorte de ser selecionado por uma mulher das cavernas se sentia com muita sorte mesmo.

  • Mas, como disse antes, os tempos mudaram. E as mulheres já não precisam de nós para protegê-las de animais quando estão grávidas. E por vezes, sentimos que as nossas mulheres só querem que a gente ajude com as tarefas domésticas, ou com as crianças. Sim, estamos felizes em fazê-lo (afinal, eles são os nossos filhos, também), mas se isso é tudo o que nos torna necessários, acabamos por nos sentir como objetos. E quando sentimos que as nossas mulheres só querem que sejamos o Príncipe Encantado, em vez de a pessoa que somos, é ainda mais difícil de suportar.

  • Sim, homens e mulheres têm percorrido um longo caminho desde a idade da pedra. Mas só porque os homens não têm que temer que sua família seja comida por predadores não significa que não temos mais nenhum medo. Significa apenas que os nossos medos evoluíram. E às vezes esses medos evoluídos são os mais terríveis de todos.

  • _Traduzido e adaptado por Stael Pedrosa Metzger do original What men actually fear the most

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Se gostou, compartilhe o artigo...

Aaron Anderson é terapeuta e diretor da clínica "The Marriage and Family Clinic em Denver, CO. Ele é escritor, palestrante e especialista em relacionamentos. Leia mais em seu blog RelationshipRx.net.

Website: http://www.TheMarriageandFamilyClinic.com

Do que realmente os homens mais têm medo

Os homens devem ser durões. Eles deveriam olhar o perigo nos olhos, sem pestanejar. Mas essas coisas vão realmente assustar um homem.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr