9 coisas que um casal recém-casado precisa saber

Algumas situações nas quais eventualmente os recém-casados se verão envolvidos e precisarão de bom humor, equilíbrio e jogo de cintura para lidar com elas no intuito de preservar a paz e a harmonia no casamento.

29,046 views   |   37 shares
  • O primeiro ano de casamento é um período de descobertas, tanto agradáveis quanto surpresas desafiadoras. Uma das chaves para o sucesso no casamento é memória curta para aquilo que não é bom e uma memória de elefante para tudo o que vale a pena. Abaixo estão listadas algumas situações nas quais eventualmente os recém-casados se verão envolvidos e precisarão de bom humor, equilíbrio e jogo de cintura para lidar com elas no intuito de preservar a paz e a harmonia no seu casamento.

  • 1. Sentirá saudades da correria da organização da cerimônia

  • Foram tantos detalhes, muitas escolhas e uma correria gostosa para preparar e se preparar para um dos dias mais importantes da sua vida e sentirá falta de tudo isso, pois foi a concretização de um sonho, o seu sonho.

  • 2. Dinheiro cadê você?

  • O dinheiro da gravata não dura muito tempo e como os noivos gastaram com casamento, lua de mel, etc., é normal que o primeiro ano de casamento seja um ano com o orçamento um pouco apertado, mas logo melhora. Não caia na tentação de contrair dívidas, pois começar um casamento endividado pode trazer sérias consequências ao relacionamento do casal. Comemorem um ao outro e a alegria de estarem juntos ao invés de gastarem o que não têm com restaurantes caros ou presentes.

  • 3. Mudança no padrão de vida

  • Muitas vezes casar significa uma mudança no padrão de vida, pois como recém-casados ainda não têm uma estabilidade financeira pode ser necessário se privar de algumas regalias que existiam na casa dos pais como: TV a cabo, velocidade da internet, etc. Lembre-se de que, é muito mais gostoso conquistar as coisas juntos.

  • 4. O sogro e a sogra vieram no pacote

  • Faça de tudo para ter um bom relacionamento com o sogro e com a sogra. Tenha paciência e respeite as diferenças culturais que eles possam trazer, pois agora são seus familiares e estarão presentes em muitas ocasiões. O ideal é o casal conversar desde o início para estabelecer alguns limites que devam ser respeitados para que os pais de um ou de outro não interfiram no bom relacionamento do casal.

  • 5. Perguntas sobre quando providenciarão um bebê surgirão imediatamente

  • Questionamentos sobre quando pretendem providenciar um bebê surgirão logo após o casal chegar da lua de mel. Tenha paciência, pois os parentes são os que mais perguntam e saiba que mesmo quando tiver um filho a pergunta não vai parar por aí, pois passarão a te questionar sobre o segundo filho. Tenha calma para lidar com esses questionamentos e outros palpites que certamente surgirão.

  • Advertisement
  • 6. Descobrirá hábitos do seu cônjuge que desconhecia nos tempos de namoro

  • É muito comum descobrir que o seu príncipe ronca, que deixa as coisas jogadas pelo chão ou que é organizado ao extremo. Não se apegue a esses detalhes, pois com certeza existem muitas coisas que ele também está descobrindo a seu respeito e que também exige paciência. Lidar com a TPM é um exemplo disso.

  • 7. Cada um precisa de um tempo para si

  • Embora o casal seja um em propósito é importante que se respeite a individualidade de ambos. Ter um tempo para si para se dedicar a atividades que gosta é salutar e muito importante em um relacionamento. Evite críticas ou comparações do tipo "você gosta mais de jogar bola do que de mim". Uma coisa não exclui a outra e você sabia que ele gostava de futebol antes de se casar, certo?

  • 8. Metas

  • Estabeleçam metas a curto, médio e longo prazo, pois através desses planos o casal pode unir suas forças e recursos para atingirem vários objetivos em comum. O ideal é reavaliar essas metas semestralmente para verificar o progresso em relação aos esforços despendidos. Sem metas claras e estratégias definidas para atingi-las fica mais difícil ou quase impossível de se progredir.

  • 9. O namoro não pode acabar

  • O casamento deve ser um namoro eterno e uma conquista diária um do outro. Bilhetinhos, presentinhos, sms, posts românticos, etc, são todos muito bem-vindos e farão toda a diferença no dia a dia da pessoa amada.

  • Fabiane Kuceki Herculano, casada há um ano e três meses também deixa uma dica: "O mais importante de tudo é sempre se lembrar de resolver qualquer tipo de problema com o próprio cônjuge e não com a amiga, mãe ou sogra. E, claro, apesar das diversas diferenças, o que mais importa é os dois terem o mesmo objetivo final, assim conseguem chegar a um consenso."

  • Por fim descobrirá que o casamento é melhor do que o namoro e que esse primeiro ano será muito importante e especial por ser o primeiro do resto de suas vidas.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Isabel Almeida é pedagoga graduada na Unicamp, criou dois sobrinhos que já são adultos e agora é mãe de uma linda bebê. Gosta de escrever e traduzir. Acredita que a família é a base da sociedade.

Website: http://www.facebook.com/isabel.almeida.94043

9 coisas que um casal recém-casado precisa saber

Algumas situações nas quais eventualmente os recém-casados se verão envolvidos e precisarão de bom humor, equilíbrio e jogo de cintura para lidar com elas no intuito de preservar a paz e a harmonia no casamento.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr