4 situações onde o cyberbullying normalmente ocorre e o que fazer para educar seu filho

O cyberbullying está em ascensão. E as pesquisas mostram que pode ser tão prejudicial quanto o bullying na vida real. Mas estas dicas vão ajudar seu filho a evitar que isso aconteça e combatê-lo se acontecer.

2,703 views   |   5 shares
  • Toda criança sabe sofre estresse escolar. E um estresse que está se tornando cada vez mais comum é o cyberbullying. Mas porque ele é relativamente novo, muitas crianças e pais não sabem como lidar com isso e não sabem como falar sobre isso para ajudar seu filho. Portanto, a seguir, estão cinco tipos comuns de cyberbullying e dicas do que você e seu filho podem fazer para ajudar a combatê-lo antes que se torne um problema.

  • 1. Mídia Social

  • Facebook, Twitter, e outros sites de mídia social são populares para adolescentes. Como eles são sites que os jovens visitam frequentemente, seu filho pode ver coisas publicadas online sobre ele que podem ser más ou fofoqueiras. Os blogs também são lugares comuns de se ver posts maldosos.

  • Como falar com seu filho sobre isso:

  • Se o seu filho recebe posts ou tweets maldosos, ou ler um post em um blog dirigido a ele, diga-lhe para não responder. Diga-lhe para salvar as informações e contar para você imediatamente. Então entre em contato com a escola de seu filho, e diga-lhes o que está acontecendo. A maioria das escolas têm políticas anti bullying rígidas e vão tomar as medidas adequadas.

  • Você deve se certificar que seu filho entenda que ele não deve responder ao bullying. Se o seu filho responder com uma observação do mesmo nível, seu filho também pode ter problemas por cyberbullying. Em vez de responder, diga-lhes para contar para você imediatamente, e você vai tomar as medidas adequadas. Também certifique-se de que eles não apaguem o conteúdo já que provavelmente você vai precisar disso mais tarde.

  • 2. Mensagens de texto

  • Mensagem de texto é uma das formas mais proeminentes de seu filho se comunicar com seus amigos. Como resultado, é também uma forma de destaque para fofoca, bullying, intimidação e difamação.

  • Como falar com seu filho sobre isso:

  • Diga ao seu filho que se alguém lhe mandar uma mensagem rude ou maldosa, ele deve dizer a pessoa para parar de escrever essas coisas para ele. Se a pessoa continuar a escrever, peça que seu filho conte para você e você irá tomar as medidas necessárias. Você pode entrar em contato com os pais do remetente ou bloquear o celular de seu filho de receber mensagens dessa pessoa. Se o conteúdo for ameaçador, ele deve ser relatado para a polícia local e à escola, para que possam tomar as medidas adequadas para manter seu filho a salvo de retaliação por reportar.

  • 3. Salas de chat

  • Quando você estava crescendo, havia provavelmente um ponto de encontro popular que a maioria das crianças iam depois da escola ou aos finais de semana. Embora ainda haja alguns lugares de encontro físicos, há também pontos de encontro online populares que as crianças da escola vão e o cyberbullying também acontece ali.

  • Advertisement
  • Como falar com seu filho sobre isso:

  • Mesmo que as pessoas que frequentam salas de chat normalmente usem nomes de usuários anônimos ao invez de nomes reais, a maioria dos colegas de escola sabem os nomes de usuários uns dos outros, e eles não usam nomes secretos para as pessoas vítimas do bullying. Então, todos da escola que também estão no chat sabem exatamente de quem está sendo falado.

  • Diga ao seu filho que, se ele estiver em um chat quando os outros estão falando sobre ele, ele deve se defender. Ele não deve retaliar nem ameaçar de volta, ou então seu filho pode ter problemas por isso. Se o bullying passar dos limites com comentários ameaçadores, diga ao seu filho para tirar um screenshot das mensagens ameaçadoras e dizer a você imediatamente.

  • 4. Sexting

  • Sexting é a forma mais perigosa de cyberbullying. Os bullies pegam mensagens, fotos e outras coisas e as publicam online a fim de constranger e incriminar. Sexting também ocorre quando alguém diz coisas sexuais indesejadas, é uma maneira de fazer seu filho se sentir desconfortável e fazer os outros que podem estar vendo dar risadas - o que faz com que seu filho se sinta ainda mais desconfortável.

  • Como falar com seu filho sobre isso:

  • Mesmo que seu filho tenha originalmente tirado as fotos, mandado as mensagens ou outra mídia que estão agora na internet, certifique-se de que ele saiba que não podem usar isso contra ele. Também diga ao seu filho que você não vai ficar bravo pelas fotos ou mensagens que ele mandou, e você vai fazer o que for preciso para acabar com o bullying. Muitas crianças e adolescentes não falam com seus pais sobre conteúdo de sexting porque eles têm medo de seus pais ficarem bravos com eles por enviarem mensagens ou fotos que não deveriam ser enviadas. Como resultado, as fotos ou mensagens continuam sendo mandadas para eles sem parar, e seu filho se sente mais e mais preso.

  • Cyberbullying é muito real e fere crianças. Diga aos seus filhos que você está ao lado deles, e você vai fazer o que puder como um pai para ajudar a parar o bullying. A maioria das escolas tem uma política de tolerância zero com o bullying que também inclui o cyberbullying. A maioria das cidades também têm leis contra o cyberbullying, então há passos que podem ser tomados tanto para acabar com o bullying e tornar a escola e a internet um lugar mais seguro para seu filho.

  • Advertisement
  • _Traduzido e adaptado por Sarah Pierina do original Tips to help your child avoid cyberbullying.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos!

Aaron Anderson é terapeuta e diretor da clínica "The Marriage and Family Clinic em Denver, CO. Ele é escritor, palestrante e especialista em relacionamentos. Leia mais em seu blog RelationshipRx.net.

Website: http://www.TheMarriageandFamilyClinic.com

4 situações onde o cyberbullying normalmente ocorre e o que fazer para educar seu filho

O cyberbullying está em ascensão. E as pesquisas mostram que pode ser tão prejudicial quanto o bullying na vida real. Mas estas dicas vão ajudar seu filho a evitar que isso aconteça e combatê-lo se acontecer.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr