5 erros que você está cometendo como pai ou mãe

Se os pais recebessem boletins, aqui estão 5 matérias nas quais nossos filhos podem dizer que estamos de recuperação.

6,943 views   |   shares
  • Eu estava impaciente com meu filho de 5 anos, no outro dia. Durante todo o dia, pareceu, que ele enrolava, reclamava e fazia de tudo em seu poder para me irritar. Eu finalmente cheguei ao meu limite tentando sair. Eu gritei para ele apressar-se e colocar seu casaco. Sem perder o ritmo, o meu pequeno gritou pra mim de volta, "Mãe, você não sabe que as crianças também têm dias ruins?".

  • Não, eu não tinha parado para pensar que meu filho estava tendo um dia ruim. Eu raramente paro para considerar que os meus filhos têm dias ruins, irritações e aborrecimentos - assim como eu. Mais tarde naquela noite, eu me coloquei no lugar de meus filhos e percebi que eu estava cometendo vários erros, embora eu me considere uma boa mãe. Depois de me deter nisso por algum tempo, eu pensei nestas cinco coisas que eu tenho certeza que as crianças gostariam que os pais entendessem.

  • 1. Crianças também têm dias ruins

  • A afirmação que começou tudo. Não é preciso muito para me deixar mal-humorada - não dormir o suficiente, não comer o suficiente, não ser respeitada o suficiente. O mesmo vale para os meus filhos. Eu espero que minha família me respeite quando estou tendo um dia ruim, então eu preciso estender a mesma cortesia aos meus filhos. Talvez, com um pouco mais de amor e muito menos impaciência, os dias ruins se tornarão cada vez mais raros.

  • 2. Os pais às vezes têm expectativas irreais

  • Em um mundo perfeito, as crianças nasceriam sabendo como usar o banheiro, arrumar sua bagunça e expressar-se sem resmungar. Nós, no entanto, vivemos em um mundo muito imperfeito, e nosso trabalho, como pais, é moldar o comportamento de nossos filhos. Quando meu primeiro filhou começou a parar de usar fraldas, eu me lembro de ficar tão frustrada com a falta de progresso. Dois meses depois, ele conseguiu aprender a usar o banheiro sozinho em um dia sem minha ajuda. Ele só precisava crescer um pouco mais. O mesmo princípio se aplica a várias tarefas de desenvolvimento. A paciência é a maior virtude de um pai/mãe.

  • 3. Nós ignoramos fases como aborrecimentos sem importância

  • Quando eu era criança, me lembro de minha mãe constantemente dizendo: "É só uma fase." Na época, ela feriu meus sentimentos porque minhas "fases" eram importantes em minha mente. Agora que eu sou uma mãe, eu me pego fazendo a mesma coisa e descartando as loucuras de meus filhos - desde usar botas de neve no verão até precisar de todas as luzes acessas à noite. No entanto, o desenvolvimento de uma personalidade requer fases. As crianças precisam experimentar papéis diferentes para ver o que funciona. No fim das contas, são as fases temporárias que produzem personalidades permanentes.

  • Advertisement
  • 4. Nós estamos em uma corrida para lugar nenhum

  • Parece quase como um jogo - ver o quão rápido as nossas crianças aprendem a se sentar, andar, falar, ler, dirigir e eventualmente sair de casa. Entre mães, torna-se uma questão de orgulho qual filho atinge metas em primeiro lugar, mas as crianças não se importam. Na verdade, eu tenho certeza de que machuca os sentimentos de meus filhos quando eles sabem que eu estou apressando a infância deles para ganhar um ponto. Não importa se o meu filho de 5 anos sabe falar cinco línguas ou se o meu de 2 anos consegue pintar obras dignas de um museu. As crianças só querem aproveitar a infância.

  • 5. Nós dizemos "não" quando podemos dizer "sim"

  • Meus filhos precisam de limites e disciplina, mas isso não significa que a minha palavra mais usada deve ser "não". Ser mãe é cansativo, mas eu preciso encontrar a vontade de dizer "sim" mais vezes. Sim, eu vou construir uma torre de blocos. Sim, eu vou ler mais um livro. Sim, eu vou ver sua cabana de lençóis - mesmo quando eu estou ocupada, e mesmo quando eu tenho outras coisas para fazer.

  • Nenhum de nós gosta de pensar que estamos cometendo erros com os nossos filhos, mas todos nós temos áreas nas quais podemos melhorar. Para mim, o que eu precisava para ver meus erros era ouvir meu filho. Por sorte, levou pouco do meu tempo para melhorar e começar a atender melhor suas necessidades.

  • _Traduzido e adaptado por Sarah Pierina do original 5 parenting mistakes you're making right now.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos!

Heather Hale é a quarta geração de sua família em Montana e mãe de três meninos doidos. Ela escreve com seu marido, Darreck Hale, sobre paternidade e casamento no thesecretlifeofparents.com.

Website: http://www.thesecretlifeofparents.com/

5 erros que você está cometendo como pai ou mãe

Se os pais recebessem boletins, aqui estão 5 matérias nas quais nossos filhos podem dizer que estamos de recuperação.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr