4 razões por que boas garotas se envolvem com maus rapazes

Você tem sofrido mais do que se alegrado com seus namorados? Saiba o que tem levado você a escolher maus parceiros.

14,826 views   |   4 shares
  • A maioria das mulheres, senão todas, meninas e moças que conheço já se envolveu emocionalmente com um bad boy. Esse estereótipo pode ser de alguém rebelde, que causa conflitos, que bagunça sua vida ou simplesmente alguém totalmente contrário àquilo que seus pais sonhavam para você, ou ao que você idealizou como pretendente ideal. Seja qual for o estilo do "mau rapaz", viciado, mulherengo, violento, manipulador ou, talvez, não tenha nenhuma dessas características e pareça um príncipe encantado a princípio, há algumas coisas que você pode entender para não entrar numa relação desse tipo.

  • Mesmo sabendo dos riscos do envolvimento com um rapaz carregado de fatores negativos, muitas mulheres se envolvem de corpo, alma e coração. Existem algumas razões que levam boas meninas a mergulharem em relacionamentos cheios de angústia e sofrimento, muito além do clichê "os opostos se atraem".

  • 1. Fixação

  • O relacionamento familiar que um indivíduo desfruta desde seu nascimento o ensina padrões que irão reger seus futuros relacionamentos e sua própria família na vida adulta. A mulher, por natureza, tende a ser mais carente e sensível, características que dão um peso maior a situações sofridas e mal resolvidas durante a vida. Uma moça que teve um padrão de relacionamento distante com o pai, a figura masculina mais importante de sua jornada, certamente repetirá esse padrão emocional distante na vida adulta, ou seja, inconscientemente escolherá parceiros que estarão sempre ausentes como o pai estava, seja por ter se divorciado da mãe ou por estar presente fisicamente, mas não emocionalmente. Na vida adulta, a mulher encontra a chance de estabelecer um relacionamento semelhante para poder concertá-lo, buscando, dessa vez, atingir o sucesso que não foi possível lá atrás.

  • 2. Em busca de algo familiar

  • É comum estarmos sempre em busca de algo que nos seja familiar, procurando características que no levem a nossa zona de conforto. Isso também se enquadra quando falamos de encontrar um amor. Mesmo após acompanhar todo o sofrimento da mãe com um marido infiel, hostil e ausente, muitas mulheres se veem apaixonadas por homens que repetem o comportamento de seus pais, mesmo que isso signifique a ausência de um relacionamento saudável, talvez por não o conhecerem em casa. Nós buscamos algo neles que os liguem ao homem mais importante de nossas vidas. Eles têm de ser parecidos em alguma coisa, senão não serve! Nem que seja nos defeitos, devem carregar algo que nos pareça familiar. Quando essa característica semelhante se restringe a aparência física, tudo bem! O problema é quando a busca ultrapassa essa barreira, e a mulher se atrai exatamente por aquilo que condenava em seu pai.

  • Advertisement
  • 3. Novas emoções

  • Ao buscar uma nova paixão, todos querem viver novas emoções, isso é óbvio. Porém, a paixão em si já carrega muitas emoções, não precisa ser direcionada para alguém que trará ainda mais riscos, mais aventuras e mais emoções fortes. A vida está pacata demais, tudo em seu devido lugar, o que não está sendo legal o suficiente, arriscar-se um pouquinho pode ser a solução. Porém, se envolver com um rapaz que emana riscos pode ser atrativo no começo do relacionamento, mas logo se torna exaustivo e surgem os conflitos na mesma proporção das aventuras e riscos.

  • 4. Salvar a alma perdida

  • Dentre as inúmeras qualidades que uma mulher carrega, a mais sublime de todas é o bendito "instinto materno", o que nos leva a crer que somos capazes de proteger, cuidar e salvar todos a nossa volta. Quando uma moça se envolve com um rapaz e diz, "Eu posso mudá-lo", está apostando todas as suas fichas em seu "instinto materno protetor e salvador". O que ela não considera é que um rapaz só para de fumar, beber, se drogar, e volta a estudar, arrumar trabalho, usar roupas adequadas, ir à igreja, casa-se, torna-se fiel e um bom pai, se ele realmente quiser. Não portamos uma varinha mágica que coloca sentimentos e desejos na mente e no coração das pessoas, a transformação acontece somente na vida daqueles que querem viver uma nova vida.

  • Se você está escolhendo alguém baseando-se nessas características, se seu parceiro gera mais sofrimento do que momentos felizes, é preciso parar e analisar os motivos que levam você a estabelecer relações nessas diretrizes. Muitas vezes, é preciso ajuda profissional para libertar-se de uma vez por todas de relações perturbadoras, mas reconhecer que algo está errado e estabelecer um novo padrão já é um bom começo.

  • Leia também: 8 características de um relacionamento saudável

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Karin Cristina é pedagoga, mãe e esposa. Apaixonada pelo ser humano, acredita que o conhecimento é capaz de mudar a humanidade e a leitura é o caminho.

4 razões por que boas garotas se envolvem com maus rapazes

Você tem sofrido mais do que se alegrado com seus namorados? Saiba o que tem levado você a escolher maus parceiros.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr