5 estágios do vício em pornografia

Saiba se a pornografia faz parte da sua vida e aprenda a tirá-la de vez.
  • Estamos cercados pela pornografia, ela não está apenas em sites ou lugares obscuros e proibidos para menores de 18 anos. Pornografia é tudo o que remete ao sexo, seja uma imagem, uma frase, um livro, uma escultura, um desenho ou os filmes e revistas tão conhecidos.

  • O perigo da pornografia está exatamente no que não é proibido, pois é lá que o vício se inicia e vai se agravando à medida que o dependente procura avançar os níveis e se aprofundar cada vez mais nesse abismo sem fim.

  • 1. Exposição precoce

  • Recentemente fiz um estudo sobre pornografia a fim de dar uma aula sobre o tema, me surpreendi ao descobrir que os meninos acessam pela primeira vez, vídeos ou fotos pornográficas, antes dos 10 anos de idade. Provavelmente, antes disso já são expostos ao que chamo de "pornografia permitida" que são cenas teoricamente românticas em filmes de comédia, uma música que induz ao sexo ou fotos sensuais em propagandas ou em clips musicais.

  • 2. Vício

  • Após o primeiro acesso o vício aparece. É como abrir uma caixa de bombons, saber que eles estão ali disponíveis para você, basta abrir, degustar e sentir a mesma satisfação que sentiu na primeira mordida. Logo torna-se um hábito, buscar essa sensação de prazer faz parte da sua vida.

  • 3. Escalada

  • Chegará um momento em que a satisfação e o prazer não serão o suficiente, e aquele tipo de pornografia que antes assustava passa a lhe excitar, você subiu de nível mais uma vez.

  • 4. Insensível

  • É nesse estágio que nada mais faz o efeito que você sentia no começo. E a busca constante só lhe torna mais viciado, quanto mais você busca menos encontra e mais tempo e energia investe em algo que não trará nenhum retorno positivo. O mais degradável pornô não lhe satisfaz mais, o desespero por sentir a mesma emoção de antes se junta ao desespero por não encontrá-la.

  • 5. Fora do mundo real

  • Muitos homens passam a ser movidos pelas imagens irreais da pornografia. Agem em um mundo real como se estivessem presos em um universo próprio. Os pesquisadores Gene McConnell and Keith Campbell realizaram uma pesquisa e contaram que foi exatamente assim que um dos entrevistados começou. "Quando o vício em pornô não era mais suficiente, ele tentou a coisa real - estupro e, em seguida assassinato. Quando ele conseguiu, ele fez isso de novo. E mais uma vez. Vício em pornografia é muito grave."

  • Advertisement
  • Caso você ou alguém próximo esteja em um desses estágios é preciso reconhecer o problema e buscar ajudar. Destruir esse mal antes que ele lhe destrua. Como pais e seres influentes devemos defender a moral, o respeito e o futuro de uma geração marcada por uma sociedade corrompida pelo sexo casual, pela libertinagem, pela apologia e supervalorização do corpo como mero objeto sexual.

  • Mas como defender nossos princípios e valores morais em um meio onde o normal é o que está sendo vivido?

  • Não dê espaço para a pornografia

  • Novelas, filmes, músicas, livros e até exposições artísticas revelam um mundo em que não devemos colocar os pés.

  • Leia também: O que a pornografia faz com as mulheres.

  • Não deixe a mídia escolher o que seu filho deve ver

  • As idades apontadas nas programações nem sempre são apropriadas para aquilo que você defende e acredita. Esteja sempre em alerta para que seus pequenos não tenham o tão terrível e fatal primeiro acesso

  • Mulheres, valorizem-se!

  • Cuidado com o que você está pregando. Seu filho ou seu esposo podem adquirir de você a ideia de que mulher legal é aquela que você admira, aquela artista famosa que só se preocupa com o corpo. Sem saber você está contribuindo com a construção de uma imagem feminina baseada na indústria pornográfica, distorcendo o real valor da mulher.

  • Pornografia vs masculinidade

  • Infelizmente ainda é muito comum homens incentivarem jovens e até crianças a consumirem esse tipo de produto. Pornografia não pode ser sinônimo de masculinidade visto que em pouco tempo ela domina o dominador.

  • Um estudo canadense foi cancelado por não encontrar voluntários que nunca haviam tido acesso a pornografia. Os pesquisadores procuravam jovens na faixa de 20 anos de idade que nunca tivessem acessado conteúdo pornográfico a fim de compará-los com jovens que já acessavam. Pode-se dizer que não existe um homem após 20 anos que não tenha visto pornografia. Que seja o meu filho e os seus os primeiros voluntários, trabalhemos para isso!

  • Leia também: Homens casados - Seu hábito de pornografia é um hábito de adultério.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Karin Cristina é pedagoga, mãe e esposa. Apaixonada pelo ser humano, acredita que o conhecimento é capaz de mudar a humanidade e a leitura é o caminho.

5 estágios do vício em pornografia

Saiba se a pornografia faz parte da sua vida e aprenda a tirá-la de vez.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr