3 motivos para não fazer exercícios físicos

A experiência dessa advogada pode mudar a sua forma de ver sua saúde aprendendo como justificar uma vida sedentária e as consequências disso.

16,608 views   |   26 shares
  • Nunca fui o tipo de pessoa que gosta de se exercitar. Muito pelo contrário! Quando adolescente fazia de tudo para evitar as aulas de educação física.

  • Sempre me senti mais à vontade em uma biblioteca, rodeada por livros, do que em uma quadra esportiva com aquelas bolas voando pra todos os lados e que (sempre!) acertavam a minha cabeça.

  • O tempo foi passando e esse padrão de comportamento continuou.

  • Hoje se fala muito sobre a importância dos exercícios físicos para a promoção da saúde. Mas, quando me questionavam sobre isso, tinha as respostas na ponta da língua - não faço exercícios porque: não tenho tempo (sou mãe de 3 crianças pequenas, trabalho fora... não dá!), não tenho dinheiro para gastar com isso (tenho muitas outras prioridades!), não gosto (e ponto final).

  • E assim seguia com minha vidinha sedentária... Até o dia em que as coisas começaram a mudar.

  • Fui convidada para fazer uma palestra sobre Direito para aproximadamente 50 funcionários de uma empresa que estavam prestes a se aposentar.

  • A palestra antes da minha foi proferida por um educador físico que começou perguntando quais pessoas dentre os presentes praticavam pelo menos 30 minutos de exercícios físicos todos os dias. Mais da metade levantou a mão.

  • Depois, perguntou quantos praticavam exercícios físicos apenas 3 vezes por semana, e outros tantos levantaram a mão.

  • Por fim, perguntou quem não fazia exercício físico nenhum. E, pra minha completa vergonha, só eu e mais 2 pessoas levantamos as mãos...

  • Em seguida foram apresentados alguns dados da Organização Mundial de Saúde que me chocaram bastante:

    • Aproximadamente 3,2 milhões de pessoas morrem a cada ano por falta de atividade física – esse é o quarto principal fator de mortalidade no mundo;

    • A inatividade física é a principal causa de 21-25% de cânceres de mama e cólon, 27% da diabetes e 30% das doenças cardíacas isquêmicas.

  • Nessa hora meu mundo parou. Agora não estavam mais falando dos benefícios da atividade física para ter um corpo bonito ou para alívio do estresse... Estavam falando sobre mortes! Mortes que poderiam ser evitadas com apenas 30 minutos de exercícios físicos por dia.

  • Leia também: Não é egoísmo nem vaidade, é questão de saúde física e mental
  • Advertisement
  • Com toda a sinceridade com que sou capaz de escrever, naquele momento me senti uma suicida.

  • É duro admitir isso, mas é o que eu estava fazendo com meu corpo. Porque, se eu viesse a morrer por alguma daquelas doenças, a culpa teria sido exclusivamente minha e não um "acaso do destino", nem uma "fatalidade".

  • Bom, eu precisava mudar. Mas ainda tinha que lidar com meus 3 motivos para o sedentarismo... E acho que usei aqueles argumentos por tanto tempo que foi muito difícil me desapegar deles.

  • 1. Falta de tempo

  • Esse era um motivo que realmente pesava para mim. Tenho muitas responsabilidades dentro e fora de casa. Eu precisava que meu dia tivesse algumas horas a mais se quisesse incluir qualquer coisa adicional em minha agenda.

  • A solução foi: acordar mais cedo!

  • Para não prejudicar minhas horas de sono (porque eu realmente preciso de pelo menos 7 horas de sono para ficar bem!), decidi dormir 1 hora mais cedo, para acordar 1 hora mais cedo.

  • E funcionou!

  • 2. Falta de dinheiro

  • Como eu disse, tenho 3 crianças pequenas e tenho outras prioridades na aplicação do dinheiro. Assim, não queria implicar mais uma despesa no orçamento.

  • Descobri, então, muitas opções que não significavam despesa alguma: coisas como caminhar, andar de bicicleta e até uma série de cursos oferecidos gratuitamente.

  • Toda cidade tem! Basta informar-se na Secretaria de Saúde do seu município ou fazer uma pesquisa pela Internet.

  • 3. Falta de vontade

  • Essa foi a desculpa mais difícil de sobrepujar... Eu não gostava de exercícios e a gente não tem vontade nenhuma de fazer aquilo de que não gosta.

  • Mas descobri que existem tantas possibilidades, tantas atividades diferentes, e me empenhei em experimentar até encontrar uma que gostasse.

  • E encontrei!

  • Hoje, praticamente não consigo passar um dia sem fazer minha caminhada e meus exercícios de yoga.

  • Pense nisso: além do bem-estar físico, e de estar prevenindo aquela série de doenças já mencionadas neste artigo, terá um corpo mais bonito, uma mente mais ativa e menos estresse.

  • Está esperando o que para começar? Você só tem a ganhar!

  • Leia também: Pare de odiar seu corpo - A melhor dieta de todas

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Marilia Condé Aguilar é advogada, escritora, esposa e mãe. Adora pesquisar e está sempre em busca de soluções práticas para ajudá-la a equilibrar suas responsabilidades familiares e profissionais.

Website: http://lar-umpedacinhodoceu.blogspot.com.br/

3 motivos para não fazer exercícios físicos

A experiência dessa advogada pode mudar a sua forma de ver sua saúde aprendendo como justificar uma vida sedentária e as consequências disso.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr