4 conselhos para pais de adolescentes com problemas

É importante não ver seu filho como problemático, e sim como alguém que tem problemas e que você pode e deve ajudar.

1,620 views   |   9 shares
  • A fase da adolescência é comumente complexa, pois o jovem passa a olhar o mundo de forma diferente, nem como adulto, nem como criança. As transformações hormonais, intensas nesse período, também são responsáveis por uma mudança brusca no comportamento. Até aí tudo normal, mas se o jovem passa a agir de forma inadequada em situações autodestrutivas, os pais precisam agir o quanto antes.

  • O Dr. Phil McGraw recomenda algumas atitudes fundamentais para os pais que estejam vivenciando isso:

  • 1. Identifique a causa

  • Quando as mudanças no comportamento são muito radicais, extrapolando os aspectos naturais da idade, alguma razão mais séria existe e os pais devem investigar melhor o que está afetando o filho ou filha. É preciso identificar o problema, pode ser algo recente ou antigo que esteja se manifestando com maior intensidade agora.

  • 2. Analise o passado

  • A personalidade começa a ser moldada a partir das vivências na mais tenra idade. É comum que as dificuldades vividas na infância se transformem em revolta e dor na adolescência. Isso acontece porque as crianças, muitas vezes, não conseguem lidar com algumas emoções, como a raiva, por exemplo, e então elas só são percebidas mais tarde. Pode ser que na época vocês não tenham observado alguns comportamentos citados no artigo 5 sinais de que a criança requer cuidados especiais e podem até acreditar que seu filho sequer se lembre do ocorrido, mas o trauma existe e aflora na adolescência.

  • 3. Ouça e fale

  • Ainda segundo o Dr. Phil os adolescentes de hoje têm maiores oportunidades de fazer decisões negativas do que no passado e, por isso, os pais precisam estar ainda mais atentos. Para conseguir a confiança dos filhos, vocês precisam estar presentes na vida deles com exemplos e ações positivas. Manter o diálogo é de suma importância; ouvir o filho para entender os seus reais sentimentos e então poder orientar de forma efetiva. Quando os filhos sentem segurança, por poder tratar de qualquer assunto com os pais, as dificuldades são mais facilmente contornadas.

  • 4. Aja como pai ou mãe

  • Principalmente quando todas as tentativas de diálogo forem infrutíferas e o filho se mostra cada vez mais revoltado e arredio às orientações, a autoridade dos pais se faz necessária. Muito bom ser amigos dos filhos, mas jamais deixem de desempenhar a função mais importante de vocês junto a eles. Às vezes os pais precisam tomar atitudes que os filhos não entendem e até se ressentem profundamente. Isso não pode impedi-los de cumprir com suas obrigações de prezar pelo bem-estar e segurança do filho. Em casos que envolvam drogas, qualquer tipo de abuso, evasão escolar e outras situações de perigo é dever dos pais agir com a autoridade que os compete.

  • Advertisement
  • Os filhos são as maiores responsabilidades dos pais; mesmo que as dificuldades se avolumem, jamais desista desse ser que você colocou no mundo e promova sempre a sua segurança. Se a relação de vocês não propicia a harmonia necessária, aja em favor de mudar isso urgentemente, porque não há nada mais doloroso do que fracassar como pai ou mãe.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Escritora, educadora e consultora; especialista em MEDIAÇÃO DE CONFLITOS e MEDIAÇÃO CORPORATIVA. Dois livros publicados: “Uma fênix em Praga” e “Mediando Conflitos no Relacionamento a Dois”.

Website: http://www.suelyburiasco.com.br

4 conselhos para pais de adolescentes com problemas

É importante não ver seu filho como problemático, e sim como alguém que tem problemas e que você pode e deve ajudar.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr