Rejuvenescimento espiritual: Aprender, ponderar e orar

Neste mundo agitado pode ser fácil deixar nossos hábitos espirituais afrouxarem. Mas com a prática, a paciência e a persistência podemos torná-los uma parte permanente de nossas vidas...

2,037 views   |   6 shares
  • Buda disse:"Assim como a vela não pode queimar sem fogo, as pessoas não podem viver sem uma vida espiritual." E, no entanto, por vezes, deixamos nossa vela espiritual apagar-se. A fim de mantê-la acesa, precisamos nos renovar espiritualmente. O Salvador Jesus Cristo ensinou com suas palavras e exemplos como manter nossas velas espirituais acesas. Três maneiras em que Ele demonstrou isso são: aprender, ponderar e orar.

  • Aprender

  • Precisamos voltar-nos às escrituras. As respostas às questões da vida podem ser encontradas nesses escritos sagrados. O Salvador ensinou: "Examinai as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam." (João 5:39) Quando foi tentado após o jejum de 40 dias, Ele citou as escrituras para refutar Satanás. Quando nossos corações estão angustiados, quando necessitamos de respostas para nossos problemas, é nas escrituras que devemos buscar.

  • A questão agora é como implementar essa ferramenta de espiritualidade em minha vida? Primeiro, temos que fazer o compromisso de estudar as escrituras diariamente. E então estabelecer um momento em que o estudo seja mais eficaz. Eu gosto de ler durante a hora do almoço. Enquanto alimento meu corpo, aproveito para alimentar também minha alma. Outro bom momento é quando meus filhos vão para a escola, pois é um tempo tranquilo e posso me concentrar, fazer anotações e procurar respostas. Meu marido gosta de estudar à noite, depois que as crianças foram para a cama e a casa está mais tranquila. Examine sua vida e rotina diária e veja onde você pode encaixar esse estudo. Se for o caso, use o horário de algo que não seja tão importante. Assim, você pode fazer do estudo das escrituras uma prioridade.

  • Ponderar

  • Ponderar ou refletir é "considerar algo profunda e completamente; meditar." A fim de conseguir isso, precisamos de calma, precisamos ser capazes de bloquear os ruídos da vida. O Salvador frequentemente procurava o silêncio e a solidão afastando-se das multidões que o seguiam. Em João 6, lemos sobre uma "grande multidão a segui-lo", e para escapar dela Ele "subiu ao monte e sentou-se com os seus discípulos." (João 6:2, 3) Assim como o Salvador recorreu aos locais de paz e solidão, precisamos buscar lugares ou momentos em que possamos sentir Seu Espírito e refletir sobre as coisas sagradas.

  • Encontrar tempo para a meditação nem sempre é fácil. Uma profunda ponderação pode nem sempre ser possível a cada dia. Muitas vezes, eu opto por não ouvir o rádio enquanto dirijo meu carro para que possa meditar. Quando pratico minha corrida diária também é outro momento em que eu prefiro estar apenas com meus pensamentos.

  • Advertisement
  • Um sábio líder religioso uma vez me ensinou sobre a necessidade, por vezes, de buscar um lugar na natureza onde eu possa conectar-me com meu eu espiritual. Obviamente, isso não é possível todos os dias, mas quando o tempo permite ou quando surge uma oportunidade, ando pela floresta, ao longo da praia ou apenas ao redor do quarteirão. Use esse tempo para refletir, pensar e ouvir para se inspirar.

  • Orar

  • É através da oração que alcançamos a comunhão com Deus. Voltamo-nos a Ele em busca de respostas para os nossos problemas, por ajuda com as nossas decisões, e bênçãos para nós mesmos e para os outros. O Salvador muitas vezes orou ao Pai pedindo força, discernimento e bênçãos para aqueles que o rodeavam. Ele também usou a oração como um meio de se renovar. Em Marcos 6:46, aprendemos que "Tendo-a despedido (a multidão), subiu a um monte para orar." Se o Salvador precisava orar, quanto mais nós?

  • O salmista disse: "Eu, porém, clamo a Deus, e o Senhor me salvará. À tarde, pela manhã e ao meio-dia choro angustiado, e Ele ouve a minha voz." (Salmos 55:16-17). Novamente, devemos buscar aqueles momentos de silêncio quando os nossos corações podem ser voltados totalmente ao nosso Pai Celestial. Ele prometeu responder às nossas orações, precisamos então prometer a Ele que oraremos.

  • Neste mundo agitado pode ser fácil deixar nossos hábitos espirituais afrouxarem. Mas com a prática, paciência e persistência podemos torná-los uma parte permanente de nossas vidas diárias. Charles Spurgeon disse: "Aquele que se elevou acima dos cuidados deste mundo, e virou o rosto para o seu Deus, encontrou o lado positivo da vida." Aproveite o tempo, vire o seu rosto para Deus e isso irá manter acesa sua vela espiritual.

  • _Traduzido e adaptado por Stael Pedrosa Metzger do original Spiritual rejuvenation: Search, ponder and pray, de Robyn Carr

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Leia o artigo, viva os ensinamentos e compartilhe!

Robyn Carr is a graduate of Brigham Young University, the mother of 5 and grandmother to 1. She currently lives in North Carolina.

Rejuvenescimento espiritual: Aprender, ponderar e orar

Neste mundo agitado pode ser fácil deixar nossos hábitos espirituais afrouxarem. Mas com a prática, a paciência e a persistência podemos torná-los uma parte permanente de nossas vidas...
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr