10 coisas que você nunca deve dizer a uma mãe com o filho aos berros

Ao ver uma mãe com um filho chorando, pense em como você pode ajudar.

20,782 views   |   3 shares
  • Quem é mãe sabe que o inesperado faz parte da rotina. E estar com um bebê ou criança chorando é algo comum. Mas parece que as pessoas à volta se incomodam muito com o fato e querem ajudar do jeito errado.

  • Algumas coisas que as mães ouvem das pessoas que querem ajudar realmente incomodam. Na verdade, o estresse instalado pela situação já é algo ruim e quando alguém se oferece para palpitar a situação só piora.

  • Leia: A mãe que sonhei ser... Mas não sou!

  • Para não ser a tal pessoa chata e insensível que ajuda com conselhos desnecessários, nunca diga:

  • 1. Esta criança chora de fome

  • Esta frase muitas vezes é seguida pelo oferecimento de algum alimento. Acredito que toda mãe sabe bem os horários da alimentação do seu filho e que a primeira coisa que pensou também foi essa. E oferecer alimentos sem a aprovação dos pais pode ser perigoso, pois a criança pode ter alguma alergia.

  • 2. Ele mama no peito?

  • O que isso tem a ver? Decisões sobre amamentação são pessoais e não dependem do que você pensa a respeito. Cada um tem suas ideias e problemas.

  • 3. Está com cólica. Dá um chazinho

  • As mães realmente sabem o que devem fazer quando isso ocorre. O pediatra orienta de acordo com cada criança. Mesmo se ela estiver chorando por cólica, o palpite do chazinho é dispensável.

  • 4. Está com otite, amigdalite, sinusite..

  • Pode ser. Por isso que as mães confiam no pediatra e o visitam regularmente.

  • 5. Você trocou a fralda?

  • Mães possuem um check list mental e com certeza a fralda está entre os primeiros itens.

  • 6. Está chorando porque está com muita roupa

  • Cada mãe conhece seus filhos e sabe como agir com relação ao vestuário da criança. Pode ficar tranquilo.

  • 7. Isso com certeza é manha

  • Opa. Agora machucou. Lembre-se da frase: Se você não tem nada bom para dizer, permaneça calado. Mães são frágeis e estão constantemente se questionando quanto à criação dos próprios filhos. Declarar abertamente que ela está equivocada lhe fará muito mal.

  • 8. Coitadinha de você

  • Este comentário com certeza não será nem um pouco agradável. Muitas vezes ele nem precisa ser dito, mas pelos olhares que a mãe recebe existe a percepção dele. Tenha certeza que as mães fazem o melhor que podem na maioria das vezes, independente da sua compaixão.

  • 9. Você tem mais filhos? São todos assim?

  • Advertisement
  • Outro comentário desnecessário. Estamos no século XXI e as mães geram filhos porque querem, quantos quiserem. E normalmente todos são diferentes entre si.

  • 10. Meus filhos não foram assim

  • É claro que mães são diferentes e filhos também. Cada um tem seu jeito e suas dificuldades. Comparações não ajudam nem solucionam o problema.

  • Leia: 3 segredos para acabar com a birra em público

  • Muitas vezes o melhor é ignorar como se nada estivesse acontecendo e continuar lendo, fazendo compras, conversando sem demonstrar desgosto. Sorrir com empatia também pode ajudar as mães que realmente precisam de ajuda. Se ela perceber que pode contar com você com certeza lhe pedirá auxílio exatamente onde precisa. Todo cuidado é pouco para evitar mágoas e sensação de impotência.

  • Ser mãe não acompanha um manual, aprende-se pouco a pouco a cada momento.

  • Leia: 10 coisas que ninguém havia lhe contado sobre a maternidade

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe agora...

Michele Coronetti é secretária, mãe de seis lindos filhos, gosta de cultura e pesquisas genealógicas.

10 coisas que você nunca deve dizer a uma mãe com o filho aos berros

Ao ver uma mãe com um filho chorando, pense em como você pode ajudar.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr