Aplicando sua fé como princípio de poder para evoluir na vida

A fé, como princípio de poder, move nossas ações para a obtenção de algo que achamos que não somos capazes de obter ou fazer.

1,747 views   |   2 shares
  • Quando se fala em metas e objetivos, há uma associação da palavra Metas com os conceitos do livro “O Segredo”, bem como com os conceitos de PNL.

  • Eu prefiro resumir todos esses conceitos em uma só palavra, que por si só representa todas as ações, proposituras, princípios, dogmas referentes ao tema; e é conhecida por pessoas de qualquer lugar: todos conhecem a palavra Fé.

  • Contudo, essa palavra está sempre relacionada com a religiosidade. E aplicada à conquista de algo inatingível, a correlação é com a palavra Milagre.Para a maioria das pessoas religiosas, para se conseguir um milagre, aplica-se a fé a uma divindade e, em troca, oferece-lhe um sacrifício por meio de promessas.

  • No entanto, aplicar a palavra Fé como princípio de poder e ação para conquistar algo, sem que isso esteja ligado às divindades, é incomum. Para que se entenda em que ponto desejo chegar, basta associar alguns exemplos do cotidiano à Fé.

  • Por exemplo: você está em um bairro por onde nunca passou antes e se perde no trajeto. Então, você para o carro e pede informação para alguém que acredita que pode te dar a informação correta de como retornar ao seu trajeto para a via que você conhece, e que te levará de volta a origem ou destino.

  • A pessoa então te diz:

    • É fácil, não tem como errar: pegue o primeiro retorno após o primeiro semáforo. Depois siga em frente. Conte três semáforos e, após isso, entre na primeira à direita e se mantenha na via pela esquerda. Ande uns trezentos metros, e você verá a primeira saída para a avenida. Mas fique atento, porque outra saída só depois de quatro quilômetros à frente.
  • Enquanto você ouve a explicação, tenta visualizar todo o trajeto e as indicações dos semáforos. Mas lembre-se de que você nunca esteve neste lugar nem conhece a pessoa que está te passando essa informação.

  • Quando você resolve seguir as instruções dadas, você está se guiando pela fé nessas instruções. Você vê o trajeto a ser seguido pela visão da fé.

  • Na medida em que você segue o caminho indicado, constata a informação com o que vê (os primeiros semáforos), a visão da fé vai se transformando em visão de conhecimento. Quando visualiza o terceiro semáforo, logo procura o primeiro acesso à sua direita. E quando o encontra, logo visualiza o acesso à avenida que conhece. Quando entra na avenida que queria chegar, o trajeto à frente é lugar conhecido. Você segue em frente pela visão e conhecimento e não mais pela fé ou visão de fé. Você verificou, depois de exercer sua fé, que as instruções dadas estavam corretas.

  • Advertisement
  • Como esse exemplo se aplica a Economia e ao conceito de Metas e Objetivos?

  • Podemos extrapolar essa experiência para a conquista de metas diversas, dentre elas, aquisição de bens, serviços, produtos e também para realizações que desejamos, mas que cremos que estão fora de nosso alcance. É quando fé, como princípio de poder, aparece como novo estímulo de crença na capacidade pessoal de se obter algo que se deseja. Aqui, o poder que a fé desenvolve é o estímulo forte que moverá a pessoa à ação para conseguir o objeto de desejo.

  • Por exemplo:

  • Uma pessoa deseja uma máquina de costura profissional do tipo reta. Ela não tem recursos disponíveis para obter uma e espera que uma alma nobre se compadeça de seu estado e lhe de uma de presente. Afinal, não tem recursos.

  • No caso específico da máquina de costura, o processo consiste em que a pessoa visualize a máquina em sua casa, usando-a: uma visão de fé.

  • Dessa forma, seguindo os demais passos do estabelecimento de metas, a fé vai instilar no coração e na mente o poder que levará a ação para que a máquina visualizada pela visão de fé seja materializada pela visão de conhecimento. Para que ela tenha a posse real daquilo que desejou e pelo que trabalhou.

  • O outro momento da fé, como princípio de poder, neste caso, será desencadeado quando a referida senhora estiver se movimentando (trabalhando) em direção da meta. Com isso, estará seu entusiasmo catalisando assim seus esforços para esse fim. Recursos e forças externas concorrerão a ela para que sua meta seja melhor alcançada. Isso é o que costumam chamar de conspiração do universo a seu favor.

  • Uma vez que exerce a fé de que é capaz de conseguir a máquina com seus próprios meios e recursos, atingirá um status de conhecimento de causa que a transformará em uma pessoa agente de seus desejos e não mais uma pessoa a espera de doações para realizá-los.

  • Com fé, não há segredo algum. Exercite-a.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Antônio Alexandre é Tecnólogo em Gestão Empresarial e trabalha como Diretor Administrativo na Weyes Technology Solutions, empresa de inovações em Tecnologia da Informação. Autor do livro "Salário e Prosperidade", é casado, pai de cinco filhos com um neto (ou neta) a caminho. Gosta do mar, nadar e passear de bicicleta na praia, além de ler e escrever.

Website: http://www.gestaosalarial.blogspot.com/

Aplicando sua fé como princípio de poder para evoluir na vida

A fé, como princípio de poder, move nossas ações para a obtenção de algo que achamos que não somos capazes de obter ou fazer.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr