Enjoo na gravidez é sinal de bebê saudável

Apesar do enjoo matinal ser um grande incômodo para a gestante, os obstetras comemoram.

92,454 views   |   734 shares
  • Toda mãe sabe o quanto os enjoos são incômodos e desgastantes. Odores, seja de perfumes ou frituras, certamente irão causar transtornos. É difícil manter a alimentação, pois até os pensamentos causam repulsa. Culpa do aumento do hormônio Beta HCG combinado com progesterona e estrogênio no organismo materno.

  • Uma pesquisa divulgada na revista científica Reprodutive Toxycology e comentada neste artigo, garante que os enjoos durante a gestação são benéficos para a saúde do bebê. A pesquisa comprovou que as mulheres que sofreram com enjoos durante a gestação foram menos propensas a abortos ou partos prematuros. Também foi observado que estes bebês tinham menor risco de ter problemas de desenvolvimento e melhor desempenho em testes de QI futuros.

  • Para os obstetras, cada vez que uma gestante relata que sente enjoos há uma comemoração interna. O que é ruim para a mãe, é benéfico para o bebê. Este estudo apenas confirmou o que os especialistas já visualizavam na prática.

  • Para as mulheres que não sofrem com este incômodo, o fato de não enjoar não significa que terá problemas no parto ou no desenvolvimento do seu bebê. Este fator não é determinante para uma ou outra situação. Os cuidados prescritos pelo obstetra devem sempre ser seguidos.

  • Algumas soluções podem ser utilizadas para amenizar o sofrimento com os enjoos. Fracionar as refeições evitando deixar o estômago vazio ou muito cheio é uma ótima alternativa, comer frutas, especialmente as ácidas como laranja e abacaxi, fugir de lugares com odores fortes além de outras técnicas ajudam a acalmar o forte enjoo.

  • Uma outra boa dica é manter as refeições mais secas, especialmente logo pela manhã. O excesso de líquido deve ser evitado porque atrapalha na digestão e agrava o enjoo. Por isso, mesmo a hidratação sendo muito importante durante a gestação, ela deve ser realizada aos poucos, gole por gole, um a cada minuto, ao invés de virar o copo. Agindo assim, o incômodo também será amenizado.

  • Nem sempre o enjoo é tão normal. Há casos onde ele revela falta de vitamina B6. O obstetra que acompanha a gestação saberá informar se é este o caso e o que deve ser feito. Normalmente enriquecer as refeições com gérmen de trigo e carnes já suprem essa necessidade.

  • Advertisement
  • Um outro problema que pode ocorrer é chamado de hiperêmese gravídica. Diferentemente do enjoo comum na gestação, ela causa desidratação grave, vômitos intensos e enjoos que não diminuem a intensidade em nenhuma hora do dia. Ela deve ser relatada ao obstetra e será tratada. Em alguns casos a gestante será internada para receber hidratação endovenosa.

  • Os cuidados durante a gestação nunca devem cessar. Observar as mudanças, visitar o obstetra regularmente realizando o pré-natal, fazer todos os exames e acompanhar o crescimento do bebê no organismo da sua mãe são situações maravilhosas e marcantes, aguardadas e desejadas pela maioria das mulheres.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos e familiares..

Michele Coronetti é secretária, mãe de seis lindos filhos, gosta de cultura e pesquisas genealógicas.

Enjoo na gravidez é sinal de bebê saudável

Apesar do enjoo matinal ser um grande incômodo para a gestante, os obstetras comemoram.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr