Crianças que praticam esportes de impacto evitam essa perigosa doença

Para prevenir uma doença séria na idade adulta, crianças podem praticar esportes como o futebol, basquete, vôlei e handebol.

231 views   |   1 shares
  • Os esportes deveriam ter uma grande importância na vida das pessoas, sejam elas crianças, jovens ou adultos. Quando praticados desde a tenra idade, eles podem trazer alguns benefícios importantes para o restante da vida.

  • Uma pesquisa realizada na Austrália mostrou que hábitos esportivos na infância podem ajudar a evitar a osteoporose, doença relacionada à terceira idade. Para isso, um grupo de 500 crianças foi avaliado periodicamente com medições do peso e densidade da tíbia. As crianças que ficavam mais tempo sentadas ou deitadas ao chegarem na idade adulta tiveram até 9% de fragilidade nos ossos maior que os que praticaram atividade esportiva.

  • No estudo também foi indicado que os exercícios que mais exigem dos ossos como pular corda, jogar vôlei, futebol, handebol ou basquete fortalecem mais os ossos. Quanto mais for exigido deles em seu crescimento, maior força eles terão e isso será um preventivo da doença durante a idade adulta.

  • Meninas X meninos

  • Com as alterações hormonais que as meninas passam durante a vida, as atividades esportivas de impacto deveriam ser muito incentivadas para elas. Normalmente são os meninos que praticam mais esporte na infância, adolescência e até na vida adulta. Porém, as meninas não são muito incentivadas com os esportes de impacto.

  • Já na idade adulta, em vias da menopausa, o nível de estrogênio diminui e os ossos começam a naturalmente perder cálcio. Quando a mulher desenvolveu ossos mais fortes durante a infância a tendência a adquirir a osteoporose se torna muito menor. Hoje a doença atinge 4 vezes mais mulheres que homens.

  • Exercícios de menor impacto

  • Os esportes menos impactantes como andar, pedalar e nadar são excelentes para a prática também, porém não fortalecem os ossos como os citados anteriormente. Eles fortalecem outras áreas como o metabolismo e a saúde do coração e sistema vascular. Mesmo assim são melhores do que permitir que as crianças fiquem apenas dentro de casa passando o tempo com dispositivos móveis.

  • Recomendações

  • A fim de prevenir o surgimento da osteoporose no futuro, as crianças são recomendadas a praticar esportes de impacto ao menos por 30 minutos e três vezes por semana. Uma opção seria pular corda de 50 a 100 vezes por dia. O pediatra deve acompanhar e os pais precisam estar atentos para os limites que cada criança apresenta. Os riscos de acidentes também devem ser medidos e evitados quando possível.

  • Advertisement
  • Alimentos ricos em cálcio podem participar do cardápio infantil e isso inclui a ingestão de folhosos verde-escuros, sementes, sardinha, tofu e grão-de-bico. O sol é o complemento necessário para que o cálcio seja absorvido pelo organismo, facilitado pela Vitamina D.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe agora...

Michele Coronetti é secretária, mãe de seis lindos filhos, gosta de cultura e pesquisas genealógicas.

Crianças que praticam esportes de impacto evitam essa perigosa doença

Para prevenir uma doença séria na idade adulta, crianças podem praticar esportes como o futebol, basquete, vôlei e handebol.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr