10 razões para agir como criança

A infância é uma das melhores fases da vida de uma pessoa. Será que além de ensinar as crianças podemos aprender com elas?

2,461 views   |   12 shares
  • Quando somos crianças sempre ouvimos sobre tudo que ainda devemos aprender. Talvez por isso, quando já somos adultos, estamos sempre preocupados em ensinar tudo corretamente para as crianças que nos cercam. Isso é mais do que normal. O problema é que, às vezes, nos esquecemos que as crianças também têm muito para nos ensinar.

  • As crianças possuem características tão puras, mas durante a nossa vida vamos deixando-as para trás. Saber agir como criança em algumas situações que só vivenciamos no mundo adulto, faz muita falta.

  • Por isso, veja como essas 10 razões para agir como criança podem fazer a sua vida mais feliz e mágica, tal como o mundo das crianças.

  • 1. Pedir ajuda

  • As crianças não têm medo de pedir ajuda e serem julgadas. Afinal, qual o problema em assumir que estamos aprendendo? E justamente por estar sempre pedindo ajuda, é nessa fase da vida, sem sombra de dúvidas, que mais aprendemos. Aprendemos a andar, a mastigar, a falar, a ler, a escrever, a entender como nosso corpo funciona.

  • Entretanto, quando crescemos aparece o orgulho. E com ele vem o medo de pedir ajuda e ser alvo de julgamento, de piadas maldosas, ou de se sentir inferior. Esqueça isso. Aja como uma criança que sabe que para aprender, é necessário pedir ajuda. Só assim você conseguirá aprender muito mais rápido.

  • Leia: O que você precisa aprender para ser bem-sucedido na vida

  • 2. Não guardar mágoa

  • Quem nunca ouviu uma criança brigar feio com seu amiguinho e dizer "nunca mais vou ser seu amigo" e, menos de uma hora depois, viu os dois novamente brincando juntos como se a briga nunca tivesse acontecido?

  • Saber agir como uma criança nesses momentos é fundamental. A maioria das brigas que nos faz sofrer não é tão importante como as fazemos parecer. Mas ainda que seja, o que a mágoa pode lhe trazer de bom?

  • Assim como as pessoas às vezes nos machucam, nos também machucamos os outros sem perceber. Então, nessa hora aja como uma criança. Chore, fala o que não gostou e deixa a mágoa de lado. Se valer pena, sua relação com a pessoa voltará a ser boa do mesmo jeito. Se não valer, liberte-se da mágoa e deixe a pessoa sair de uma vez da sua vida.

  • 3. Ter a mente aberta para o novo

  • A criança quando nasce é como um papel em branco a ser preenchido com as experiências que ela vai adquirindo. Ela não faz nenhum prejulgamento e enfrenta o novo de peito aberto.

  • Advertisement
  • Entretanto, com o passar dos anos, criamos em nossa cabeça padrões de comportamentos, pensamentos e atitudes que acreditamos serem corretos. Com isso, nós criamos nossas verdades absolutas e ficamos céticos frente ao novo.

  • O único problema é que criar as nossas verdades e fazer prejulgamentos pode nos impedir de evoluir ainda mais, pois ao se abrir para novas experiências e novos comportamentos, mantemos nossa mente viva.

  • 4. Não desistir

  • As crianças não acreditam que exista algo impossível de se conseguir. Por isso, quando elas desejam ou precisam de alguma coisa, não desistem nunca. Se elas desistissem tão facilmente como nós, teríamos vários adultos que sequer conseguiriam andar ou falar.

  • Se tivermos a persistência que tínhamos quando ainda éramos crianças iremos muito mais longe. Basta acreditar e persistir, ainda que não dê certo nas primeiras tentativas.

  • Leia: A chave para resolver a maioria dos seus problemas

  • 5. Ser espontâneo

  • Diferentemente dos adultos, as crianças falam e expressam exatamente o que pensam. Não se preocupam se a sua opinião vai contra o que os outros esperam ouvir ou se ela vai ser julgada por estar agindo daquela maneira.

  • É claro que não podemos ser pessoas grosseiras disfarçadas de espontâneas. Mas falar e agir conforme o que pensamos e sentimos, desde que da maneira correta, nos evita, futuramente, situações mal resolvidas.

  • 6. Questionar

  • Quem nunca se impressionou com a quantidade de porquês que uma criança fala? Isso demonstra a necessidade que as crianças têm de entender o mundo que as cerca. Entretanto, à medida que vamos crescendo, começamos a aceitar tudo que nos passam sem sequer tentar entender por que é assim.

  • Não podemos deixar que o argumento de que as coisas são do jeito que tem que ser, seja maior do que nossa curiosidade de entender o mundo em que vivemos. Afinal, só entendendo em detalhes o que nos cerca é que podemos mudar a nossa realidade.

  • 7. Saber improvisar

  • Um problema que nenhuma criança tem é a falta de imaginação e criatividade. Assim, se ela não tem tudo que deseja, ela cria dentro das suas possibilidades, algo que lhe atenda. Um lençol vira uma cabana, um pedaço de papel vira um chapéu, um barco ou avião. Tudo isso com muita diversão.

  • Os adultos, por sua vez, se não têm exatamente o que querem se revoltam, gritam ao mundo a injustiça da vida, sem sequer tentar improvisar uma solução.

  • Advertisement
  • Leia: 10 coisas que você deve parar de se preocupar agora

  • 8. Saber ver o lado bom das coisas

  • A inocência das crianças não permite que elas desconfiem de tudo e de todos. Elas conseguem ver o melhor de cada situação. Quando adultos, enxergamos primeiro o lado ruim que tudo pode nos oferecer. Tornamo-nos pessoas desconfiadas.

  • É claro que saber se resguardar é extremamente importante. Mas muitas vezes vemos maldade onde não existe. Por isso, é importante aprender com as crianças que nem tudo na vida tem, necessariamente, seu lado ruim. Caso contrário, perderemos oportunidades incríveis.

  • 9. Não se preocupar sem necessidade

  • A criança vive o presente sem criar preocupações desnecessárias. Elas se dedicam inteiramente ao que estão fazendo e por isso são mais felizes. Se elas estão se divertindo com a brincadeira, não vão se importar com o fato de estar chovendo lá fora. Se alguém achar que a brincadeira é boba, ela simplesmente não liga. A sua atenção está toda voltada para seu momento de prazer.

  • Porém, quando crescemos, mesmo que a gente fique feliz com algo, nossa cabeça não esquece as nossas preocupações, impedindo de aproveitar a alegria em sua plenitude.

  • 10. Aproveitar a vida

  • Uma criança nunca tem seu pensamento voltado para a vantagem que pode tirar de cada situação ou quais as melhores pessoas para ela se aproximar. O seu maior objetivo é simples: Se divertir. Com o tempo, deixamos a diversão de lado para criar a exigência de que tudo saia perfeito.

  • Talvez sentimos tanta falta da infância por ser a época em sabemos aproveitar a vida como realmente deve ser. Por isso, vamos ficar atentos e sempre que necessário voltar a agir como uma criança.

  • Leia: 5 coisas que você deve fazer antes de morrer

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Mineira nascida e criada em Belo Horizonte, ama viajar e estar próxima de sua família e amigos. Casada e apaixonada pelo marido, vive em eterna busca pelo auto-conhecimento. Acredita que o melhor investimento na vida de qualquer pessoa é aquisição de novos conhecimentos. Apaixonada por ler e escrever, adora dividir seu conhecimento e suas experiências em seu site sobre o mundo feminino, com a certeza de que pode fazer a vida das pessoas mais feliz. Formada em Direito e Servidora Pública do Estado de Minas Gerais.

Website: http://alemdevaidade.com.br/

10 razões para agir como criança

A infância é uma das melhores fases da vida de uma pessoa. Será que além de ensinar as crianças podemos aprender com elas?
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr