5 benefícios inesperados de casar-se cedo

Casar-se cedo traz benefícios que só os sábios irão reconhecer!

43,699 views   |   61 shares
  • Os brasileiros estão se casando cada vez mais tarde, revelam as últimas pesquisas do IBGE. Segundo informações coletadas em cartórios de todo o Brasil em 2013, a idade média das mulheres que se casaram passou de 25 para 27 anos, e a dos homens de 28 para 30 anos. No Estado de São Paulo, segundo pesquisas da Fundação Seadae, embora tenha havido o maior número de casamentos registrados nos últimos trinta anos, a idade média dos nubentes também tem aumentado gradualmente: a das mulheres foi para 30 anos e a dos homens para 33.

  • Não precisamos de estatísticas para constatar que o time do "não quero me amarrar tão cedo" tem ganhado novos adeptos a cada ano. Suas justificativas são variadas: priorizar os estudos e a carreira, dificuldade de encontrar a pessoa certa, não se sentir preparado para assumir "tanta responsabilidade", descrença nessa instituição (o matrimônio), não querer perder a liberdade para farrear, e assim por diante. Se o índice de pessoas que adiam o casamento continuar aumentando nessa proporção, com que idade as pessoas se casarão daqui há 10 ou 20 anos?

  • Contrariando as estatísticas, estudos recentes revelam que a melhor idade para iniciar uma vida conjugal gira em torno dos 25 anos. Entenda os motivos:

  • 1. Eles têm mais tolerância e facilidade para se adaptar à vida a dois

  • Pessoas que beiram os 30 e, principalmente, as que já passaram dessa idade, são testemunhas: quanto mais o tempo passa, mais difícil se torna adaptar-se a uma nova rotina e ter seu espaço "invadido". Quem for independente por um longo tempo, que o diga!

  • Tolerar as manias e os defeitos do outro se torna, muitas vezes, um fardo pesado demais, principalmente para quem veio de um relacionamento em que o(a) ex manifestou tais comportamentos, e eles acabaram trazendo prejuízos para a relação.

  • Por outro lado, quando um casal começa a vida junto desde o início, há todo aquele entusiasmo, romantismo e fôlego jovial para lutar pelo relacionamento, apesar das diferenças que certamente eclodirão com o convívio.

  • Advertisement
  • 2. Têm menos bagagem para atrapalhar

  • Querendo ou não, pessoas que vêm de relacionamentos anteriores trazem bagagens que, na maioria das vezes, mais atrapalham que ajudam. Quanto mais relacionamentos frustrados tiveram na vida, mais dificuldade elas terão de voltar a amar, a confiar e a ver com otimismo o próximo relacionamento.

  • Leiam: 7 coisas a saber antes de se casar com uma pessoa divorciada e com filhos

  • Quando se casam cedo, entretanto, tudo é novidade. Ao surgirem situações difíceis – afinal, não há relacionamentos livres de tribulações – elas contribuirão para o fortalecimento e amadurecimento do casal, caso eles se unam para sobrepujá-las.

  • 3. Fazem melhor uso do tempo e do dinheiro

  • Está comprovado que pessoas casadas são mais econômicas. Elas tendem a colocar o seu dinheiro no lugar certo: dentro de casa. Diferentemente dos solteiros, que gastam com festas, compram roupas e acessórios novos com muita frequência para impressionar os amigos e as novas conquistas.

  • Casar-se aos vinte e poucos significa investir, desde cedo, tempo e dinheiro no desenvolvimento pessoal e familiar, em vez desperdiçá-los em coisas sem importância.

  • 4. Sentem-se mais felizes no casamento

  • Segundo um relatório emitido em 2013 por National Marriage Project, os casais entre 20 e 28 anos afirmaram sentir-se verdadeiramente casados, e não simplesmente coabitavam. Já os casais entre 20 e 25 anos mostraram-se mais propensos a descrever seu casamento como "muito feliz".

  • O ponto 5 explica, em parte, por que isso acontece.

  • Leiam: Cientistas descobriram a idade perfeita para casar

  • 5 . Têm mais chances de encontrar alguém mais compatível

  • Obviamente, a felicidade conjugal está condicionada à compatibilidade dos parceiros. Quando se é jovem há um leque de possibilidades de encontrar pessoas altamente compatíveis. Conforme o tempo vai passando, os "melhores partidos" vão se casando e os parceiros potenciais mais ideias vão, gradualmente, "sumindo do mercado".

  • Advertisement
  • Bons motivos não faltam para iniciar uma vida conjugal aos vinte e poucos anos (quando se tem alguém que vale a pena, é claro!). Por isso, quem tiver encontrado o par ideal não deve permitir que a preocupação com o futuro profissional e acadêmico seja um empecilho para o casamento. Duas pessoas que se amam, com os mesmos ideais e com garra para lutar por eles, podem fazer coisas incríveis juntas! Como diz a velha máxima, "a união faz a força".

  • Àqueles que passaram dos vinte e poucos há muito tempo e ainda não se casaram, dou um conselho: NÃO se deem por vencidos! Tenham fé e façam a sua parte! Cedo ou tarde encontrarão alguém à sua altura.

  • Leiam: 18 maneiras produtivas de viver enquanto a "metade da laranja" não chega

  • Aos rapazes que estão em dúvida se pedem ou não a mão da amada em casamento, sugiro a leitura do artigo 7 coisas que os homens ganham se casando

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Se gostou, compartilhe o artigo...

Erika Strassburger mora no Rio Grande do Sul, tem bacharelado em Administração de Empresas, escreve e traduz artigos para o site Família, é cristã SUD, pintora amadora de telas a óleo e mãe de três lindos guris, o mais velho com Síndrome de Down.

Website: http://erikastrassburger.blogspot.com.br/

5 benefícios inesperados de casar-se cedo

Casar-se cedo traz benefícios que só os sábios irão reconhecer!
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr